Extra-campo

Dia Mundial do Rock: veja os boleiros que curtem esse gênero musical

Publicado às

Colaborador do Torcedores

Crédito: Banda Ronaldo e os Impedidos, tendo a frente o ex jogador do Corínthians. Imagem: Reprodução / Facebook

Em 13 de julho é comemorado o Dia Mundial do Rock. A data que visa homenagear os fãs do gênero musical foi escolhida devido ao histórico evento Live Aid, realizado em 1985. Muitos jogadores de futebol gostam do gênero, vamos relembrar alguns:

Apesar do estereótipo de que jogadores de futebol prefere os gêneros musicais mais populares no Brasil, como pagode e funk, muitos boleiros já confessaram se inspirar no bom e velho rock n´roll, e alguns até se aventuraram em projetos musicais.

1- Ronaldo Giovanelli, ex-Corínthians

O ex-goleiro do time paulista não apenas é apreciador do gênero musical, mas também tem uma banda de rock, Ronaldo e os Impedidos, realizando shows musicais por todo o país. Durante algum tempo ele conciliou as carreiras de atleta e vocalista, tendo como influências Led Zeppelin, Kiss, Iron Maiden e Elvis Presley.

2- Casagrande, comentarista e ex-Corinthians, Flamengo e São Paulo

Nem todos os telespectadores que assistem aos comentários de Casagrande na programação esportiva da TV Globo imaginam que ele é um roqueiro dos mais fiéis, desde os tempos em que atuava como jogador. Seu grupo musical favorito é The Doors, cuja banda ele tem predileção pelo vocalista Jim Morrison; no anos 80, Casagrande usava um visual parecido com o de seu ídolo.

3-  Cássio, ex-Corínthians

Outro goleiro do Corínthians que prefere escutar rock. Sempre que possível, Cássio externou sua predileção pelo gênero durante a entrega do prêmio de melhor jogador no Mundial de Clubes, em 2002, quando ele brincou de guitarra com o troféu. A paixão pela música evidenciada pelo visual, com cabelos compridos. Entre suas bandas favoritas, estão Colplay, Foo Fighters e Linkin Park.

4- Rogério Ceni, do São Paulo 

Um dos guarda redes mais queridos dos torcedores do tricolor paulista, Rogério gosta de bandas clássicas como AC/DC e Pink Floyd. Devido sua influência, a música de entrada do time tricolor ao entrar no Morumbi durante muito tempo foi o clássico “Hells Bells”. Hoje existe até uma versão do Hino do São Paulo gravada em rock.

5- Fabrício, ex-Cruzeiro, São Paulo, Corinthians e outros

O volante já afirmou em entrevistas para diversas mídias que gosta de ouvir um som mais acelerado para influenciar em seu desempenho no campo; segundo ele, a música traria benefícios aos praticantes da modalidade esportiva. Entre suas preferências estão os grupos musicais Ramones e AC/DC.

LEIA MAIS:

ATRAÇÃO DO ENCERRAMENTO DA COPA, WILL SMITH SE DIZ FÃ DO BRASIL E DA APOIO A NEYMAR