Meia da Suécia joga favoritismo para Inglaterra: “Será um fracasso se perderem”

Depois de eliminar a Suíça nas oitavas de final, a Suécia encara a Inglaterra neste sábado (7), às 15h (horário de Brasília), em Samara, pelas quartas de final da Copa da Rússia.

Marcel Thomé
Colaborador do Torcedores.com

Crédito: Getty Images

De acordo com o meia Larsson, que retorna após cumprir suspensão, o favoritismo no confronto é todo da Inglaterra.

A Inglaterra tem os seus demônios para encarar. A pressão é toda neles. Se eles forem eliminados pela Suécia, seria um fracasso para eles” afirmou Larsson.

Mais uma vez, o time sueco deve deixar o papel de propor o jogo para o adversário e apostar nos contragolpes.

É o nosso estilo já por algum tempo. Varia um pouco dependendo da qualidade do nosso adversário, mas estamos bem confortáveis com ele. Aqui na Copa do Mundo, acho que o nosso contra-ataque tem sido cada vez mais forte. Criamos muitas chances desta forma e estamos confiantes na nossa maneira de jogar”, garantiu.

Estamos pensando apenas no jogo de sábado e não além disso. É o pensamento que tivemos até agora. Não pretendemos pensar muito à frente. Temos consciência do tipo de time que somos e das qualidades que temos. Vamos focar no próximo jogo e então vemos o que vai acontecer”, completou.