Nilmar ouve apelo de torcedora do Inter: “Você tem que voltar pra nós”

Presença ilustre no jantar beneficente de Andrés D’Alessandro nesta segunda-feira, o atacante Nilmar não escapou do “assédio” positivo por parte da torcida do Inter. Ainda sem futuro definido no futebol, o jogador naturalmente recebeu pedidos para que voltasse ao Beira-Rio.

Eduardo Caspary
Jornalista formado pela PUCRS em agosto de 2014. Dupla Gre-Nal.

Crédito: Divulgação/Internacional

Um desses apelos foi feito pela célebre torcedora colorada “Vó Noêmia”, popular nas redes sociais e no Beira-Rio por conta de suas demonstrações de amor ao Inter. E a fã não perdeu a chance de pedir o retorno de Nilmar.

Conheça a 1xBet:

Um novo jeito de fazer sua aposta esportiva!

“Meu filho (Nilmar), você tem que voltar pra nós! D’Ale, convence ele a voltar”, falou a “vó”. D’Alessandro, por sua vez, respondeu: “Aos poucos, aos poucos”.

Veja o vídeo do “apelo”:

 

Nilmar despista sobre futuro

Depois de um longo tempo sem dar entrevistas, Nilmar voltou a dar declarações públicas nesse mesmo evento. O atacante se disse recuperado depois da depressão no ano passado, mas despistou ao falar do futuro.

“Não tem nada no Inter no momento. Tenho um carinho muito grande pelo clube, presidente e todos que estão aí, mas não falamos em nada, até porque estou parado em um longo período da minha carreira, estou em outro momento, curtindo minha família”, disse o jogador.

Nilmar jogou somente duas partidas pelo Santos, em 2017, sendo a última no mês de agosto. Depois, foi afastado com um quadro de depressão. Agora, comemora o fato de estar recuperado.

“Estou muito bem, nunca estive tão bem quanto estou hoje. Foram 3, 4 meses muito complicados, mas é uma situação que existe com muitos jogadores no futebol, ainda mais homem que às vezes tem dificuldade em expressar”, disse.

LEIA MAIS:

Suspeitas não se confirmam, e Grêmio flerta com força máxima contra a equipe do Flamengo

Renato define time para os próximos jogos e justifica: “Não faço milagres”

Repórter questiona direção do Grêmio por “caso Kannemann”, mas é rebatido por dirigente

Gostou da matéria? Siga o autor:

No YouTube

No Instagram

No SoundCloud