Tite x Osorio: primeiro duelo entre os técnicos teve muita polêmica dentro de campo; relembre

Brasil x México medem forças nesta segunda-feira (2), às 11h, na Arena Samara, em busca da vaga nas quartas de final da Copa do Mundo. No banco de reservas, as duas seleções contam com grandes estrategistas capazes de mudar a história do jogo: os técnicos Tite e Juan Carlos Osorio.

Rafael Alaby
Rafael Alaby é jornalista diplomado pela FIAM (Faculdades Integradas Alcântara Machado), com passagens pela Chefia de Reportagem de Esportes, da TV Bandeirantes, em São Paulo e site KiGOL. Pós-graduado em Jornalismo Esportivo e Negócios do Esporte (FMU)

Crédito: Reprodução

Dois dos principais treinadores do Mundial, o brasileiro e o colombiano duelaram há quase três anos, no clássico entre São Paulo x Corinthians, pela 17ª rodada do Brasileirão de 2015.

O Tricolor Paulista, de Osorio, e o Timão, de Tite, protagonizaram um grande clássico no Morumbi, com alternativas táticas e muitas chances de gol. O alvinegro saiu na frente, com gol do atacante Luciano, na primeira metade do primeiro tempo. Logo no início da etapa final, o time da casa empatou com o artilheiro Luis Fabiano.

Conheça a 1xBet:

Um novo jeito de fazer sua aposta esportiva!

“Lembro que o Corinthians estava liderando o Campeonato Brasileiro, Elias e Renato Augusto jogaram, e por isso decidimos jogar com Breno e Wesley nesse dia”, relembrou Osorio, na véspera do reencontro com Tite.

“Luis Fabiano mandou na trave duas vezes, e foi um jogo no qual o São Paulo merecia mais”, completou.

O lance mais polêmico do Majestoso ficou reservado para os acréscimos do segundo tempo. O são paulino Wesley pegou rebote e finalizou com força. O lateral-esquerdo Uendel desviou a bola com o braço dentro da área e o árbitro Leandro Vuaden deixou o jogo seguir para revolta dos atletas tricolores que pediram pênalti.

O curioso é que se algo deste tipo ocorrer em Brasil x México, o árbitro italiano Gianluca Rocchi, se não marcar pênalti, muito provavelmente vai recorrer ao VAR (Video Assistent Referee) e assinalar a infração.

Dos 14 jogadores usados por Tite em São Paulo x Corinthians, três deles fazem parte do grupo de 23 atletas presentes na Rússia: o goleiro Cássio, o lateral-direito Fagner e o meia Renato Augusto. Apenas o segundo começará Brasil x México como titular.

VEJA TAMBÉM:

Copa do Mundo: Brasil tem retrospecto favorável sobre o México em mundiais 

Com mudança, veja a provável escalação do Brasil para encarar o México