Torcedores – Notícias Esportivas

Os 39 tweets que refletem o que foi o GP da Hungria de Fórmula 1

Neste domingo aconteceu mais uma prova do mundial de Fórmula 1. O GP da Hungria foi ganho pelo inglês Lewis Hamilton, da Mercedes que é a 5° vitória e coloca o piloto ainda mais na frente de Vettel na classificação geral.

Joao Rafael Pinheiro
Jornalista em formação pela FAPCOM. Repórter esportivo na Web Rádio Futgol Esportes. Setorista da Chapecoense no Torcedores.com. Fã de automobilismo

Crédito: Facebook AMG Mercedes

Em uma corrida de muita disputa e calor intenso, Hamilton conseguiu dominar toda a prova e fazer mais 25 pontos no campeonato. Já Sebastian Vettel em uma corrida de apuros e recuperação, o piloto conseguiu uma ultrapassagem sobre Bottas e levou consigo seu companheiro Kimi Raikkonen. Kimi que foi um dos destaques, pois correu todas as 70 voltas sem um pingo de bebida. A Ferrari esqueceu de conectar o cabo, que leva a bebida até o piloto.

Outro ponto a se destacar são os universos diferentes que a Red Bull Racing viveu nesta prova. Perdeu logo no início, Max Verstappen que com problemas de potência no motor foi obrigado a abandonar. Insatisfeito, Verstappen saiu xingando a todos e ficou indignado com mais um problema de motor, o mesmo da Renault.

Ao contrário, Ricciardo fez uma corrida de recuperação. Saiu da 12° posição e logo no início sofreu com um toque, e caiu para a 16°. Em corrida de recuperação, o australiano galgou e chegou até a 5° posição. Em muitos momentos variou esta posição. Mas ao fim da corrida, após perder as posições no pódio Bottas teve briga com Ricciardo. Por sua vez, o piloto não poupou e foi pra cima. Bottas deixou seu carro bater em Ricciardo, mas na volta seguinte tomou o troco e perdeu a 4° posição.

Com o resultado final, Hamilton se distancia ainda mais de Vettel. Com 213 pontos, contra 189 do Alemão. Raikkonen é o terceiro com 146 e Bottas 132. No campeonato de construtores, a Mercedes continua na frente. A escuderia alemã tem 345 pontos, dez a frente da Ferrari com 335.

LEIA MAIS
DE PONTA A PONTA, LEWIS HAMILTON VENCE GP DA HUNGRIA DE F1