Vasco: Jorginho prega cautela para as estreias de López e Henríquez

O Vasco empatou com o Fluminense na noite desta quinta-feira (19), pela 13ª rodada do Campeonato Brasileiro. Após a partida, o técnico Jorginho participou da entrevista coletiva.

Daniel Gois
Estudante de jornalismo da Universidade Católica de Santos. No Torcedores desde janeiro de 2017, escreve sobre futebol, basquete, formula 1 e eventualmente games.

Crédito: Paulo Fernandes/Vasco

Além da partida, outro assunto abordado foi a data de estreia de dois reforços do Vasco, o zagueiro Oswaldo Henríquez e o atacante Maxi López. Ambos estão sem ritmo de jogo e, por esta razão, Jorginho pregou cautela quanto a utilização de ambos.

Conheça a 1xBet:

Um novo jeito de fazer sua aposta esportiva!

“O Maxi precisa realmente de um tempo bom. Ele vem de férias, parado durante todo esse período. É um jogador que temos de ter todo o cuidado para que a gente não antecipe uma questão. É o mesmo que estamos pensando com o Henríquez. “

Com o empate, o Vasco atingiu 16 pontos e permanece na 11ª colocação do Campeonato Brasileiro. O próximo adversário do Cruzmaltino é o Grêmio, domingo (22), em São Januário.

Martín Silva lamenta gol sofrido no fim: “Sabor de derrota”

Assista aos melhores momentos do empate no clássico carioca

Maxi López fala da responsabilidade de vestir a 11 do Romário e comenta decisão de jogar pelo Cruz-Maltino

Ficha técnica: Vasco 1 x 1 Fluminense

Competição: Campeonato Brasileiro Série A 2018 – 13ª rodada
Local: São Januário, no Rio de Janeiro (RJ)
Data: 19 de julho de 2018 (Quinta-feira)
Horário: 20h (de Brasília)
Árbitro: Marcelo Aparecido Ribeiro de Souza (SP)
Assistentes: Daniel Paulo Ziolli (SP) e Bruno Salgado Rizo (SP)
Renda: R$ 242.405,00
Público: 11.381 pagantes
Cartões amarelos: Wágner, Luiz Gustavo e Andrés Ríos (Vasco) e Dodi e Jadson (Fluminense)
Gols: Andrés Ríos (VAS) – Pedro (FLU)

Escalação do Vasco: Martín Silva, Luiz Gustavo, Breno, Ricardo Graça e Henrique; Leandro Desábato, Andrey, Yago Pikachu, Wágner (Evander) e Giovanni Augusto (Kelvin); Andrés Ríos (Bruno Silva)
Técnico: Jorginho

Escalação do Fluminense: Júlio César, Leo, Gum, Digão e Ayrton Lucas (Marlon); Richard, Jadson, Dodi (Matheus Alessandro) e Junior Sornoza (Pablo Dyego); Marcos Junior e Pedro
Técnico: Marcelo Oliveira