Botafogo: “O Paquetá tinha ambição de ganhar”, diz Valencia sobre saída de técnico

Marcos Paquetá foi demitido do Botafogo após a derrota para o Nacional-PAR, pela Copa Sul-Americana. A demissão aconteceu sem permitir ao treinador dar a entrevista coletiva que faria após o jogo. Quem falou com a imprensa foi o meia Leo Valencia.

Victor Martins
Um homem que acredita ser jornalista, escritor e 'chato'. Decidam vocês qual será a opção escolhida.Formado na Universidade Metodista de São Paulo. No Torcedores desde 2016 ou algo parecido.

Crédito: Foto: Vitor Silva/SSPress/Botafogo.

Valencia lamentou a demissão do treinador, que ocorreu naquela noite e disse que o Paquetá dividia o mesmo sonho de vencer pelo Fogão com o restante dos jogadors, o que acabou não acontecendo em muitos momentos durante sua passagem pelo clube.

“O Paquetá é uma grande pessoa e tinha a ambição de ganhar, assim como nós, os jogadores, também”, afirmou Valencia na coletiva.

O Botafogo virá para a partida de volta sob forte pressão para obter a vaga na próxima fase da Sul-Americana. O meia chileno analisou a situação e afirmou que o Glorioso está pronto para dar alegrias à torcida e conseguir reverter a situação no Nilton Santos. O segundo jogo contra o Nacional-PAR será no dia 16.

“É uma fase mata-mata e importante. Temos todas as condições de vencer em casa na volta. Temos que trabalhar, dar a volta por cima e vencer no fim de semana”, disse o jogador, citando a partida contra o Santos, pelo Brasileirão.

LEIA MAIS

 

Zé Ricardo é o alvo do Botafogo para substituir Paquetá

(Foto: Vitor Silva/SSPress/Botafogo)