Márcio Goiano pode ter desfalque de peso contra o Bragantino

O torcedor alvirrubro segue com grandes expectativas para o primeiro jogo das quartas de final da Série C, que acontece neste sábado, contra o Bragantino. Mesmo assim, a preocupação paira no ar, principalmente com o julgamento do meio-campista Wallace Pernambucano, pela expulsão contra o Salgueiro.

Matheus Expedito
Jornalista formado pela Faculdade Cásper Líbero. 22 anos. Amante do esporte bem jogado e admirador de boas histórias.

Crédito: Reprodução / Facebook

Essa punição aconteceu há aproximadamente um mês, válido pela 14ª rodada da terceira divisão. Na ocasião o atleta foi denunciado por agressão física durante a partida, enquadrado no artigo 254 do Código Brasileiro de Justiça Desportiva. O árbitro da partida, Roger Goulart, escreveu na súmula que o atleta “golpeou com o braço o rosto de seu adversário (lateral Marlon), com uso de força excessiva na disputa da bola”.

O juiz ainda relatou que o atleta do Salgueiro necessitou de atendimento médico, após o surgimento do sangramento na boca. Ele cumpriu a suspensão automática no embate diante do Juazeirense, na rodada seguinte. Mesmo assim, ainda será julgado pelo Superior Tribunal de Justiça Desportiva (STJD), podendo ficar de molho por até doze partidas.

Lembrando que essa não será a primeira vez em que ele é levado aos tribunais. Anteriormente o jogador do Náutico já havia sido julgado pela expulsão contra o Botafogo-PB.

A primeira partida dos mata-matas acontece no estádio Nabi Abi Chedid, em Bragança Paulista, no interior de São Paulo. O horário de início é para as 16h, horário de Brasília. O jogo da volta será no dia 26, dentro da Arena Pernambuco – mais de 10 mil ingressos já foram vendidos.

Leia Mais: 

VICE-PRESIDENTE REVELA QUE CRUZEIRO QUASE CONTRATOU ZÉ RAFAEL

DEFENSOR X FLUMINENSE: ASSISTA AOS MELHORES MOMENTOS DA PARTIDA

‘ESTAVA JOGANDO A SUL-AMERICANA. INFELIZMENTE ACABOU PARA MIM’, DESABAFA JEAN, DO SÃO PAULO