Opinião: derrota precisa marcar última partida de volante no Flamengo

O Flamengo foi derrotado por 3 a 0 pelo Atlético-PR na manhã deste domingo (19) na Arena a Baixada. Em partida válida pela 19ª rodada do Campeonato Brasileiro, o Mengão foi facilmente batido com um time misto diante do Furacão. Pablo, Raphael Veiga e Zé Ivaldo balançaram as redes.

Glauco Costa
Colaborador do Torcedores

Crédito: Crédito: Foto: Gilvan de Souza/Flamengo

Escalado com Willian Arão no meio campo, substituindo Diego, o Fla foi facilmente batido. O volante simplesmente não entrou em campo. Se a ideia de Maurício Barbieri era reforçar o poder de marcação, o jogador não ajudou nisso. Se o objetivo era utilizar sua velocidade sem bola como elemento surpresa, também não se viu. Se o objetivo era se valer de suas qualidade nas jogadas aéreas, bem, isso também não aconteceu.

Cada vez mais com menos espaço, Arão faz parte de atletas que não contam com a confiança da torcida. Quase negociado na metade desta temporada, ele é um volante jovem que veio após boa passagem pelo Botafogo, o que mostra ter mercado para atrair o interesse de outros clubes. Todavia, no Flamengo, não dá mais.

LEIA MAIS:
Yago Pikachu admite falha do Vasco em gol do Palmeiras; confira
Esquema tático contra a LDU pode ser alternativa para Jorginho no Vasco
O Vasco não joga mal! Veja o principal problema da equipe em 2018

Crédito da Foto: Gilvan de Souza/Flamengo