Queda no segundo tempo e irritação de Maicon: Léo Moura repercute empate com o Flamengo

O traumático empate sofrido diante do Flamengo aos 48 do segundo tempo ainda repercute no Grêmio. O jogo pela ida das quartas da Copa do Brasil, que terminou empatado em 1×1 na Arena, foi o principal tema da coletiva do lateral-direito Léo Moura nesta quinta-feira. Autor da assistência para o gol de Luan, o experiente defensor admitiu que o tricolor teve uma acentuada queda na etapa final.

Eduardo Caspary
Jornalista formado pela PUCRS em agosto de 2014. Dupla Gre-Nal.

Crédito: Foto: Site Grêmio

Na avaliação de Léo, o Grêmio fugiu de sua própria característica ao ficar “sem a bola no pé” durante grande parte da última etapa. Essa situação, segundo ele, foi determinante para o que time sentisse o cansaço, o que fez o Flamengo crescer no jogo.

“Quando estamos sem a bola, corremos muito contra o adversário. Acabamos ficando sem perna. Quando eles ficam muito com a bola no pé, complica mais. Mas o Grêmio também sabe fazer isso. Nosso DNA é esse. No Maracanã, vamos ter espaço para isso e tentar sair de lá com o resultado”, projetou o lateral.

Léo revelou que o clima no vestiário foi de forte cobrança e até certa irritação. Um áudio revelado do técnico Renato Gaúcho demonstrou a ira do treinador com o empate sofrido no fim. Presente na cobertura da partida, a reportagem do Torcedores.com flagrou o capitão Maicon acertando um tapa na porta do vestiário depois do duelo.

Maicon

Maicon deixou o campo bastante irritado – Foto: Reprodução/Facebook

“Nos cobramos dentro do vestiário logo que acabou o jogo, que o segundo tempo não foi igual ao primeiro. Não podemos tomar esse gol no final, que pode levar um trabalho por água abaixo. Nosso treinador nos falou isso. Qualquer vacilo que você der, sai da competição. Seria importante ir para o Maracanã com a vantagem”, disse.

“Quem sofre o gol sempre sai indignado. Essa indignação no Maicon, assim como de todos os jogadores que estavam ali, era por isso. Era bom ter uma vantagem, sempre é, mas está 0 a 0. Agora vamos decidir lá”, acrescentou.

Sem a presença do saldo qualificado nesta edição da Copa do Brasil, a decisão da vaga à semi da Copa do Brasil se dará no dia 15, no RJ. Grêmio e Flamengo voltam a se enfrentar neste sábado, na Arena, pelo Brasileirão.

LEIA MAIS:

Após empate, presidente do Flamengo rasga elogios ao Grêmio: “Fortíssimo”

Ramiro critica segundo tempo do Grêmio: “Não conseguimos marcar nem jogar”

Irritado com empate, Maicon dá tapa na porta do vestiário; Grohe fala em “gosto amargo”

Gostou da matéria? Siga o autor:

No YouTube

No Instagram

No SoundCloud