Ramiro critica segundo tempo do Grêmio: “Não conseguimos marcar nem jogar”

“No segundo tempo, não conseguimos marcar nem jogar”. Foi dessa forma que o volante Ramiro resumiu a queda de produção da equipe do Grêmio, que vencia o Flamengo até os acréscimos da etapa final quando ocorreu o gol de empate marcado por Lincoln.

Eduardo Caspary
Jornalista formado pela PUCRS em agosto de 2014. Dupla Gre-Nal.

Crédito: Foto: Site Grêmio

O gosto amargo pelo empate em 1×1 em casa, em plena Arena lotada nesta quarta-feira, foi admitido pelo jogador, que mantém as esperanças na classificação rumo à semifinal da Copa do Brasil. O jogo da volta ocorre dia 15, no Rio de Janeiro, sem saldo qualificado.

“Corremos muito atrás da equipe deles e não conseguimos reter a bola no segundo tempo. Deixamos a desejar e o Flamengo impôs o seu ritmo de jogo”, disse. “A gente sai de cabeça quente, fugimos da nossa característica e jogamos abaixo do nível que estamos acostumados. Vamos conversar melhor amanhã e acertar tudo”, comentou.

Veja a entrevista completa de Ramiro registrada pelo Torcedores.com:

Muito possivelmente com o time reserva, o Grêmio volta a campo no sábado contra o mesmo Flamengo, também na Arena, mas dessa vez pelo Brasileirão. Na terça, fora de casa, ocorre o duelo contra o Estudiantes pela ida das oitavas da Libertadores.

LEIA MAIS:

Irritado com empate, Maicon dá tapa na porta do vestiário; Grohe fala em “gosto amargo”

Veja os gols de Grêmio x Flamengo

Gostou da matéria? Siga o autor:

No YouTube

No Instagram

No SoundCloud