Torcedores | Notícias sobre Futebol, Games e outros esportes

“Ser campeão, sem esse pensamento nem precisaria vir”, decreta Resende97 sobre a FIFA eWorld Cup 2018

O goiano Pedro “Resende97” Soares está entre os 32 atletas que disputam a FIFA eWorld Cup 2018, mundial de FIFA 18 que se inicia em Londres, nesta quinta-feira (2). Em entrevista ao Torcedores.com o atleta disse que o seu objetivo para a competição é “ser campeão, sem esse pensamento, nem precisaria vir” e também sobre a sua carreira.

Marcelo Faviere
Marcelo Faviere é formado em Comunicação Social: Jornalismo pela UAM. Fundador dos portais Insônia Pop (2012 a 2015) e Excêntrico Psicopata (2015 a 2016). Analista tático do Futebol na Veia (2016) e SCCP Scouts (2018). Entrou para a equipe de colaboradores do Torcedores em fevereiro de 2018, onde escrevia artigos, notícias e produzia entrevistas com personagens do cenário gamer e de e-Sports (esportes eletrônicos) no Brasil e no mundo. Saiu em dezembro do mesmo ano para adentrar o mundo corporativo. Neste meio tempo participou da equipe de colunistas do site de automobilismo Boletim do Paddock (2018). Atualmente está de volta ao Torcedores.com, onde começou a sua carreira de jornalista de games.

Crédito: Reprodução: Twitter

Antes de garantir sua vaga no mundial, Resende fez bonito na ESWC (São Paulo), vencendo os dois jogos da final contra Brenner Silva, garantindo quase 10 mil reais em premiação e uma vaga para o pré-mundial na Holanda. Em Amsterdã, o jogador se classificou para o mundial ao vencer o britânico Bailey.

“É uma experiência bastante diferente, meu primeiro campeonato desse nível. Já consegui me classificar para Londres, é uma experiência enorme. Vou treinar bastante para fazer uma boa campanha por lá”, disse na época.

Rumo a Londres, um filme passou pela cabeça do jovem Pedro, 20, nascido no interior goiano. Não é para poucos: mais de 12 milhões de jogadores disputaram as etapas de classificação para as finais do Mundial, online e offline.

 

View this post on Instagram

Seja conduzido pelos seus sonhos! ??▶️???????

A post shared by Pedro Resende (@presende97) on

O papo

Pouco após chegar a cidade londrina, o atleta concedeu uma entrevista para o portal Torcedores.com onde falou sobre a expectativa para o torneio, a estadia em Londres e o seu início no cenário competitivo de FIFA.

“Boa tarde, já estou acostumado com o horário daqui”, brinca o jogador, ‘quatro horas a frente do Brasil’. ”Está tudo em ordem, estou aproveitando para passear pela cidade, fazer aquelas coisas normais (de turista).”, resume o atleta, que joga desde os 14 anos.”Amanhã devo fazer um treino com o Senna, mas é mais para não perder o ritmo. O que tinha que pegar já pegou”, explica.

Com relação à parceria com “Senna do Boné”, parceiro de torneio, Pedro diz “estou mais chegado dele (Senna) após o classificatório realizado em Amsterdã no começo do anoe que ”antes não conhecia de conversar, só o conhecia das streamings e internet”. Ainda falando sobre a relação entre os players de FIFA, Resende diz que “existe união, mas também há aqueles que são mais isolados que os outros (tímidos), porém, hoje o cenário tá bem próximo”, afirma, posteriormente dizendo “já ter dado alguns rages em partidas do game”.

O início de carreira em Anápolis e a profissionalização

Surpreendentemente, Resende revela ter migrado do rival PES (Pro Evolution Soccer) para o FIFA.

“Meu primeiro contato com games de futebol foi com o PES, em Anapólis, com uns 8 anos. Com 14 anos (2011) migrei pro FIFA”, relembra o anapolino. Ao falar sobre a mentalidade competitiva, Pedro Resende diz “eu jogo para competir desde os 14 anos e tenho uma rotina diária de treinamento com outros jogadores profissionais que varia entre duas e três horas. Tudo isso sempre mantendo o foco e a calma para alcançar os meus objetivos”, completou o jogador — que hoje tem 20 anos.

Sobre a mudança de paradigma — do hobby para o profissionalismo — ele explica que “tudo mudou quando eu vi que o nível do competitivo era realmente diferente. Comecei com torneios menores online e depois fui para os maiores”, relembrou.

Mesmo com tanto tempo de estrada, Resende ainda carrega consigo um controle vermelho e branco, seu amuleto de muitos anos.

Objetivo para a FIFA eWorld Cup 2018

 

Ao falar sobre seu objetivo para a FIFA eWorld Cup 2018, Resende97 é categórico: “O objetivo é ser campeão, sem esse pensamento nem precisaria vir hahahaha”. Ainda sobre o torneio, mais sério, o atleta elogiou a implementação do sistema antidoping: “Achei interessante essa parte do antidoping. Isso nos mostra que os eSports realmente querem se aproximar ainda mais da realidade (esportes), querem transformar a modalidade em algo tão importante quanto o futebol real”, refletiu.

Perguntas dos leitores para Resende97

Antes da entrevista os leitores do portal puderam fazer algumas perguntas para “Resende97”. Destas, duas foram selecionadas por nós e estão respondidas abaixo.

Lucas Estevam, de São Paulo capital: “Resende, qual é o tipo de preparação que você faz para ir bem na Weekend League?

— Olha, Lucas, na Wekeend League acredito que leve mais vantagem quem tenha um psicológico mais forte. Os jogos são bastante cansativos, então você precisa estar bem preparado psicologicamente. Claro, a jogabilidade irá te levar a muitas vitórias, mas sem um bom psicológico você não terá sucesso.

Gabriel Jesus, de Diadema-São Paulo: “Resende, em quais partes a Weekend League ajuda vocês a evoluir?

— Gabriel, a WL (Weekend League) ajuda bastante no psicológico e te da vários estilos de jogo para se treinar contra, portanto, é importante, pois, você se prepara pra qualquer situação de jogo.

Bate-Bola

Clube favorito no FIFA: Real Madrid

Jogador preferido na vida real: Cristiano Ronaldo

Jogador preferido no FUT (Ultimate Team): Cristiano Ronaldo

Formação preferida: 4-2-3-1

Mídias Sociais: Twitter (@PResende97) | Instagram (@presende97) | Twitch (@presende7)

Mensagem final: “Estou muito feliz de representar o meu país e poder fazer o melhor aqui (em Londres). Espero ir ainda melhor do que em Amsterdã para colocar a bandeira do Brasil o mais alto possível, por isso, conto com a torcida de todos”

Fique ligado no Torcedores.com e confira a nossa cobertura sobre a FIFA eWorld Cup.

LEIA MAIS

FIFA EWORLD CUP 2018: 1,5 MILHÃO DE PREMIAÇÃO TOTAL, ANTIDOPPING E 32 JOGADORES REPRESENTANDO O SEU PAÍS

OZIL ANUNCIA QUE É O EMBAIXADOR DA COPA DO MUNDO DE FIFA 18

CS:GO – MIBR ANUNCIA “YNK” COMO SEU NOVO HEAD COACH