Torcedores | Notícias sobre Futebol, Games e outros esportes

Sorriso Hornets e Cuiabá Arsenal encaram Brasília Templários

O Campeonato Brasileiro de Futebol Americano de 2018 (1ª Divisão) conta com a participação de 32 equipes divididas em quatro grupos, que são chamados de Conferências (Centro Oeste, Sudeste, Sul e Nordeste). E Mato Grosso tem dois times representantes na Conferência Centro Oeste, o Sorriso Hornets e o Cuiabá Arsenal. E o próximo adversário de ambos será o Brasília Templários-DF.

Junior Martins
Colaborador do Torcedores

Crédito: Junior Martins

A Conferência Centro Oeste foi formada com sete equipes que representam três estados e mais o Distrito Federal. O Campo Grande Predadores do estado de Mato Grosso do Sul-MS, o Goiânia Rednecks de Goiás-GO e o Sorriso Hornets e o Cuiabá Arsenal de Mato Grosso-MT e mais o Tubarões do Cerrado, o Leões de Judá e o Brasília Templários representantes do Distrito Federal-DF.

O Sorriso Hornets pegará o Brasília Templários no dia 15 de setembro, às 18h, no Estádio Municipal Egídio José Preima, a “Toca do Lobo”, com ingressos por R$ 10,00 (inteira) e R$ 5 (meia), em Sorriso. O time tem três vitórias no brasileiro, venceu o Arsenal por 24×06, depois ganhou do Campo Grande Predadores por 17×13 e tem uma vitória por W.O. (Walkover – 49×00) sobre o Goiânia Rednecks.

O Hornets mantém uma sequência de 18 vitórias. Sua última derrota foi para o Sinop Coyotes por 17 a zero, em 29 de outubro de 2016. Desde então conquistou a Liga Nacional de Futebol Americano em 2017, que é a 2ª Divisão do football nacional e foi como conseguiram acesso à 1ª Divisão, e foram bicampeões do Campeonato Mato-grossense de Futebol Americano em 2017 e em 2018.

O Cuiabá Arsenal confrontará o Brasília Templários no dia 29 de setembro, às 14h, no campo da Universidade Católica de Brasília (UCB), em Brasília-DF. O Arsenal fez quatro jogos, tendo como resultados duas derrotas e duas vitórias, e falta pegar outros dois oponentes na fase de grupos da Conferência Centro Oeste. A equipe tem perdido espaço para o Hornets e está num cenário ruim.

No brasileiro, o Cuiabá Arsenal perdeu na estreia para o Sorriso Hornets (24×06), em seguida sofreu uma derrota avassaladora para o Tubarões do Cerrado por placar elástico de 62×06, depois conquistou uma vitória apertada sobre o Campo Grande Predadores por 13×07 e ganhou o brinde de uma vitória sobre o Goiânia Rednecks por W.O. (Walkover – 49×00). E aguarda Templários e Leões de Judá.

O Goiânia Rednecks desistiu de disputar o campeonato e, por causa disso, todos os rivais foram contemplados com vitória por 49×00. O que faz restar apenas um jogo vencido para o Arsenal comemorar. Entretanto, tal vitória está longe de valer comemoração. Por ter sido o pior resultado histórico já obtido pelo Arsenal contra o Campo Grande Predadores, mesmo quando se chamava Jacarés do Pantanal.

O Campo Grande Predadores nasceu da fusão de duas equipes em 2015, do Jacarés do Pantanal e o Campo Grande Cobras. E o Cuiabá Arsenal tem um histórico de vitórias contra eles, venceu o Predadores por 38×00 no brasileiro de 2017, ganhou por 30×14 no brasileiro de 2016 e também venceu por 93×00 e 58×00 no brasileiro de 2013, quando ainda eram o Jacarés do Pantanal.

Ao colocar esse histórico de placares em perspectiva, percebe-se que foi o pior resultado já atingido contra as tais agremiações, Campo Grande Predadores e Jacarés do Pantanal. E tal conclusão pode ser alcançada por mais de um prisma, tanto por terem tido o menor desempenho do ataque quanto por terem tido a menor vantagem de pontos de todos as partidas. Fire In The Hole!

Texto e Foto: Junior Martins