Com Gilson Kleina, 16 técnicos deixaram seus clubes na Série A; veja

Mais um treinador deixou seu clube na Série A do Campeonato Brasileiro. Nesta segunda-feira (06), foi a vez de Gilson Kleina, da Chapecoense. Ele não resistiu à sequência de maus resultados e foi demitido.

Luiz Felipe Longo
Colaborador do Torcedores.com.

Crédito: Sirli Freitas/Chapecoense

Com a saída do técnico da equipe catarinense, a primeira divisão nacional totaliza 16 saídas de seus comandantes. Seis foram antes da Copa do Mundo. Quatro saíram durante o Mundial, e agora, mais seis técnicos já deixaram seus clubes depois do torneio na Rússia.

Antes de Kleina, o último havia sido Marcos Paquetá. Na ocasião, ele também acabou demitido do Botafogo por conta dos maus resultados da equipe, foram cinco jogos, com quatro derrotas e somente uma vitória à frente dos cariocas.

Conheça a 1xBet:

Um novo jeito de fazer sua aposta esportiva!

A Chapecoense era um dos poucos times na Série A que ainda não tinha trocado seu treinador. Agora, restam apenas sete clubes: São Paulo, Flamengo, Atlético-MG, Cruzeiro, Internacional, Grêmio e Paraná.

Confira os técnicos que deixaram seus clubes da Série A

Nelsinho Baptista (Sport) – demitido na 2ª rodada

Marcelo Chamusca (Ceará) – demitido na 6ª rodada

Fábio Carille (Corinthians) – contratado pelo Al-Wehda na 6ª rodada

Zé Ricardo (Vasco) – demitido na 9ª rodada

Guto Ferreira (Bahia) – demitido na 9ª rodada

Jorginho (Ceará) – pediu demissão na 9ª rodada

Abel Braga (Fluminense) – pediu demissão durante a Copa

Enderson Moreira (América-MG) – pediu demissão durante a Copa e foi para o Bahia

Alberto Valentim (Botafogo) – contratado pelo Pyramids, do Egito durante a Copa do Mundo

Fernando Diniz (Atlético-PR) – demitido durante a Copa do Mundo

Jair Ventura (Santos) – demitido após a 14ª rodada

Ricardo Drubscky (América-MG) – demitido após a 14ª rodada

Roger Machado (Palmeiras) – demitido após a 15ª rodada

Vagner Mancini (Vitória) – demitido após a 16ª rodada

Marcos Paquetá (Botafogo) – demitido após derrota para o Nacional-PAR, pela Copa Sul-Americana

Gilson Kleina (Chapecoense) – demitido após a 17ª rodada

LEIA MAIS
GILSON KLEINA NÃO RESISTE À SEQUÊNCIA RUIM E É DEMITIDO DA CHAPECOENSE