Vitória sobre o Vasco e liderança do Brasileirão; veja como a imprensa analisa o feito do São Paulo

“O São Paulo é líder. Pode e deve melhorar. Mas todos podem e devem respeitar ainda mais o Tricolor. Um time que pode não saber ganhar com qualidade. Mas dificilmente vai perder jogos no BR-18”. Foi assim que o comentarista Mauro Beting classificou o Tricolor após a vitória por 2 a 1 sobre o Vasco neste domingo, no Morumbi.

Rogério Araujo
Colaborador do Torcedores.com.

Crédito: Reprodução/SporTV

Com o resultado conquistado na 17ª rodada do Brasileirão, o Tricolor assumiu a liderança da competição. Atualmente o São Paulo possui 35 pontos, um a mais que o vice-líder, o Flamengo. Outro que também destacou o momento do time do Morumbi foi o apresentador Milton Neves. Ele elogiou o trabalho do técnico Diego Aguirre e afirmou que: “Torcer pro São Paulo voltou mesmo a ser uma grande moleza”.

O Globoesporte.com lembrou que os são-paulinos voltam a ocupar o primeiro lugar no Brasileirão após três anos. E em sua análise sobre a partida apontou onde o time precisa melhorar para continuar na ponta.

“Contra o Vasco, o São Paulo mostrou um problema recorrente: a falta de afinidade com a bola no chão. É um time muito vertical, que usa cada cobrança de lateral para se aproximar da área rival em transições diretas, mas não tem paciência e/ou recursos e/ou orientação para trocar mais de cinco passes e tentar construir suas jogadas ofensivas”, diz um trecho da publicação.

Para o jornalista Calos Cereto, do SporTV, o time comandado por Aguirre é sim favorito ao título. “Na realidade, o São Paulo, pelo o que fez e está fazendo, é um dos favoritos, sim. Não era colocado como favorito, ninguém imaginava que o trabalho do Aguirre fosse dar certo tão rápido, mas deu. Dá para imaginar que o São Paulo vá pelo menos brigar com o Flamengo até o fim do Brasileiro. Eu colocaria o São Paulo como um dos favoritos ao título”, disse Cereto em participação no programa Redação SporTV desta segunda.

“Deve ter um ambiente muito bom para poder levar esse time que está mostrando faces diferentes durante os próprios jogos. Ele muda, se transforma. Joga muito bem, aí de repente não joga nada. Vai na luta, vai nos erros”, afirmou o comentarista Petkovic no programa Troca de Passes do último domingo.

“Isso do vestiário fica mais claro quando o Nenê teve a atitude do fim de semana passado e não foi o treinador que veio repreendê-lo. Foi um amigo do Nenê, o Diego Souza, que até já teve problemas disciplinares por reações parecidas, que disse: “O Nenê não deveria ter feito isso”. Então isso foi tratado entre amigos, então deu certo”, analisou Maurício Saraiva também no Troca de Passes.

Veja os tweets da imprensa:

LEIA MAIS:

CONFIRA A REPERCUSSÃO DA IMPRENSA SOBRE O EMPATE DO CORINTHIANS COM O ATLÉTICO-PR

“MODO BANANA”: MAURO DETONA FLAMENGO APÓS DERROTA PARA O GRÊMIO; VEJA AS ANÁLISES DA IMPRENSA