Jornalista projeta duelo entre Vasco e Flamengo: “a tendência é o equilíbrio”

Vasco e Flamengo se enfrentam neste sábado (15), a partir das 19h (de Brasília), no Mané Garrincha, em Brasília, pela 25ª rodada do Campeonato Brasileiro. Os clubes defendem objetivos diferentes na competição – enquanto o Rubro-Negro almeja a liderança, o Cruzmaltino precisa da vitória para sair da zona de rebaixamento.

Gabriela Maruyama
Jornalista, assessora de imprensa e pós-graduada em Jornalismo Esportivo e Multimídias. Amante dos esportes desde sempre e apaixonada por futebol inglês. Contato: gamaruyama@gmail.com

Crédito: Gilvan de Souza / Flamengo

O jornalista Luiz Ceará, apesar de acreditar na superioridade do Fla, espera uma partida equilibrada. “Por ser no Mané Garrincha, um campo neutro, Vasco e Flamengo devem fazer um jogo que pode ser ‘parelho’, porque é fora do clima do Rio de Janeiro. As torcidas estarão lá, mas é fora do Rio. E é um clássico. Embora os times estejam em situações diferentes – isso normalmente acontece nos clássicos todos – existe uma tendência para o equilíbrio. É uma tendência, não quer dizer que os times estarão equilibrados, porque o Fla é superior ao Vasco tecnicamente”, declarou, em entrevista ao Torcedores.com.

Ainda segundo ele, o grupo comandado por Maurício Barbieri chega abalado para a duelo, devido ao empate com o Corinthians no Maracanã, pelo jogo de ida da semifinal da Copa do Brasil. “É evidente que o Flamengo se abalou com o empate contra o Corinthians, porque o time é muito superior tecnicamente, com jogadores mais importantes, mais experientes, grandes remunerações e jogador de seleção brasileira. Mas como são campeonatos diferentes, os atletas têm a tendência de desligar isso”, afirmou.

Conheça a 1xBet:

Um novo jeito de fazer sua aposta esportiva!

“Eu acho que isso pode atrapalhar o Flamengo, porém não deve afetar o trabalho psicológico. O Rubro-Negro deve suportar essa situação, e entrar no clássico para se recuperar em termos de futebol. É um time que joga com a bola nos pés, que tem a tendência para o ataque e sabe exatamente o que está fazendo, mas contra o Timão encontrou uma barreira, então precisa jogar para ser superior ao Vasco”, continuou.

Já no lado da equipe cruzmaltina, Ceará atentou para os desfalques, mas não classificou a vitória vascaína como impossível. “O Vasco tem desfalques importantes. O Pikachu, por exemplo, não joga, o Wagner pediu para sair porque estava com falta de pagamento, então o clube realmente tem problemas, mas em clássico tudo pode acontecer, inclusive uma vitória vascaína. Eu não acredito, é improvável, mas pode acontecer. Os dois times precisando da vitória, o Vasco está na parte de baixo da tabela e precisa mais ainda… Esse é o sabor do clássico: embora sejam times de camisas gloriosas em situações diferentes no campeonato, podem se igualar pelo simples fato de ser um clássico”, completou.

LEIA MAIS
Vasco x Flamengo: saiba quem leva a melhor no confronto
Notícias do Flamengo: veja o que rolou na última sexta (14)