Meia formado no Corinthians relembra início no Timão e revela que torcia para o São Paulo

Nesta semana, o meia Rosinei concedeu uma longa entrevista ao site do GloboEsporte.com e falou sobre diversos assuntos, entre eles o Corinthians, time onde foi revelado e ganhou destaque nacional. O jogador surgiu com grande destaque em 2005, quando o time era formado por grandes nomes como Carlos Alberto, Roger e Carlitos Tévez. O meia relembrou seu início no Timão e revelou que na infância torcia para o São Paulo, mas sem grande fanatismo.

Eduardo Suguiyama
Eduardo Suguiyama é jornalista diplomado pela FIAM (Faculdades Integradas Alcântara Machado).

Crédito: Divulgação/Site Oficial América-MEX

Como de costume, o Corinthians revela grandes jogadores ao cenário nacional e mundial e foi assim com Rosinei, jogador que ganhou destaque vencendo a Copa São Paulo em 2004 e logo subiu a equipe profissional do Timão e acabou ganhando espaço no time mesmo com a equipe formada por vários jogadores consagrados.

Para se ter ideia, o jogador conquistou logo um Brasileirão em seu primeiro ano como profissional, sendo vice artilheiro da equipe, apenas atrás de Tévez.

Em entrevista ao GloboEsporte.com, o jogador que hoje vive um período sabático e ainda pensa na aposentadoria relembrou seu início no alvinegro.

“Era engraçado porque eu apostava com o Roger. Infelizmente, o Roger se machucou na reta final. Eu dei sequência e consegui passar ele. Até vou cobrar que ele está me devendo por esse tempo que passamos no Corinthians. Ele é um cara super do bem. Eu era um menino, estava começando. Ele me ajudou muito. Tanto ele quanto Carlos Alberto. Foram pessoas que me ajudaram muito. Tévez também. São só lembranças boas”, afirmou.

Rosinei aproveitou para revelar que chegou ao Timão como torcedor do São Paulo, mas logo virou a ‘casaca’. “Eu me tornei torcedor do Corinthians quando entrei no Corinthians. Minha família era toda de são-paulinos. Naquela época, o São Paulo ganhava muitos títulos. Eu não era muito fanático. Hoje, sou torcedor corintiano por tudo que vivi lá dentro. Eu me formei dentro do Corinthians. Eles tratavam de mim como se eu fosse filho deles. Tenho carinho muito grande por tudo que conquistei lá dentro. É um clube que amo de paixão”, disse.

Além do Corinthians, Rosinei defendeu equipes como: São Caetano, Real Murcia, Internacional, América-MEX, Atlético-MG, Coritiba, Paraná, Tigres do Brasil, Fortaleza, Almirante Barroso, CSA e Juventus.

LEIA MAIS:
São Paulo tem dois jogadores suspensos para enfrentar o América-MG; veja os nomes