Renato Gaúcho usa exemplo da série B para pedir atenção aos jogadores contra o Paraná

No último sábado, o Grêmio recebeu o Paraná Clube, último colocado do Campeonato Brasileiro, na Arena do Grêmio e atuando com um time reserva, o técnico Renato Gaúcho usou um exemplo que veio da série B, a derrota do líder Fortaleza para o último colocado, o Sampaio Corrêa. 

Eduardo Suguiyama
Eduardo Suguiyama é jornalista diplomado pela FIAM (Faculdades Integradas Alcântara Machado).

Crédito: Reprodução/Youtube

Nos últimos anos vemos que não existe jogo fácil entre duas equipes de futebol, foi assim na Copa do Mundo e isso vai se confirmando no Brasileirão, onde todas as equipes tem que soar muito para conseguir um resultado positivo.

Ciente disso, o técnico Renato Gaúcho não deu sopa para o azar e usou um exemplo mais recente e que veio da série B. A derrota do líder Fortaleza para o último colocado, o Sampaio Corrêa.

“Quando coloco um time desses em campo, tenho uma confiança total no grupo. Enfrentamos um adversário, que as pessoas podem falar que é último, mas aí é que tá o problema. Eles querem muito ficar na primeira divisão. Ontem, o Fortaleza que é o líder da segunda divisão perdeu para o último colocado que é o Sampaio Corrêa.Tive uma boa conversa ontem, outra hoje, sobre a importância de respeitar o adversário e buscar o resultado”, afirmou.

Quem chega e quem sai dos clubes?

 

O Grêmio de Renato Gaúcho volta a campo na próxima terça-feira, às 21h45, contra o Atlético Tucumán, pelas quartas de final da Copa Libertadores da América.

LEIA MAIS:
Grêmio x Paraná: assista aos gols da partida