Sassá é ameaçado pela torcida do Palmeiras após soco em Mayke: “vai acabar no caixão”

As polêmicas da semifinal da Copa do Brasil entre Cruzeiro x Palmeiras, realizada na última quarta-feira (26), no Mineirão, seguem longe de acabar. Após acertar um soco em Mayke ao término da partida, o cruzeirense Sassá recebeu ameaças da torcida alviverde nas redes sociais, com juras até de morte.

Gabriela Maruyama
Jornalista, assessora de imprensa e pós-graduada em Jornalismo Esportivo e Multimídias. Amante dos esportes desde sempre e apaixonada por futebol inglês. Contato: gamaruyama@gmail.com

Crédito: Vinnicius Silva/Cruzeiro E.C

No Instagram, torcedores do Palmeiras “convocaram” o jogador para o clássico palestrino neste domingo (30), em São Paulo, e prometeram “pegar” o atacante. “Seu monte de b*****. Safado covarde. Se é tão homão (sic) assim, vai para o jogo no domingo. Já liga para o dentista para trocar os dentes”, escreveu um palmeirense. “Anda nas proximidades do Allianz Parque sem escolta para ver se você volta para casa, seu arr******”, comentou outro.

“Esse lixo tem que ser espancado até a morte, ou vai acabar preso ou no caixão, o que é mais provável”, publicou um adepto no Twitter.

A última foto postada por Sassá no Instagram já conta com mais de 14 mil comentários – boa parte de cunho racista. Até o momento, o atleta não se manifestou sobre o ocorrido.

LEIA MAIS
Imprensa analisa eliminação do Palmeiras na Copa do Brasil; veja os comentários
Sassá e Mayke serão denunciados pelo STJD por tumulto na semifinal