Torcedores | Notícias sobre Futebol, Games e outros esportes

Barrichello acerta estratégia de box e vence em Londrina

Rubens Barrichello venceu neste domingo (21) a primeira corrida da décima etapa da Stock Car, disputada no Autódromo Internacional Ayrton Senna, em Londrina (PR). O piloto da Mobil Super Full Time largou da segunda posição na prova realizada nesta tarde, caiu para terceiro nos metros iniciais, mas tomou a liderança após a rodada de paradas nos boxes, ao superar Julio Campos, e seguiu para vencer pela segunda vez na temporada.

Leonardo Marson
Jornalista com passagens pelas revistas Racing e House Mag.

Crédito: Fernanda Freixosa

A segunda posição ficou com Julio Campos, piloto da Prati-Donaduzzi que chegou a assumir a liderança após as paradas nos boxes, antes de sucumbir ao melhor ritmo de Barrichello. No final, o paranaense superou Ricardo Zonta na volta final, relegando o representante da Shell V-Power ao terceiro lugar.

Daniel Serra, líder do campeonato, fez uma corrida discreta, mas terminou com a quarta colocação, seguido por Max Wilson, seu companheiro na Eurofarma RC. Átila Abreu, da Shell V-Power, ficou com a sexta posição, sendo seguido por Thiago Camilo, piloto da Ipiranga Racing.

Segundo colocado durante a primeira parte da corrida, Marcos Gomes teve que se contentar com a oitava posição com o carro da Cimed Racing, após escapar da pista em disputa de posição com Daniel Serra. Diego Nunes, da Full Time Bassani, foi o nono, enquanto Felipe Fraga, que liderou a prova na primeira metade, foi apenas o décimo por conta de uma parada de box ruim da Cimed.

A corrida contou com um acionamento do Safety Car, ocorrido na 14ª volta, quando Cacá Bueno parou na pista com problemas no câmbio do carro da Cimed Racing. O piloto até retornou à prova, mas abandonou logo depois.

A segunda corrida da Stock Car em Londrina acontece logo mais, às 13h05. Com a inversão das posições dos dez primeiros, Felipe Fraga largará da pole position mais uma vez.

Foto: Fernanda Freixosa