Brasileirão: confira as chances de título, Libertadores e rebaixamento restando oito rodadas

Faltam apenas oito rodadas para o Brasileirão ser definido em 2018. E a promessa de termos fortes emoções até o dia 2 de dezembro fica notória a cada final de semana. A 30ª rodada reservou algumas alterações na tabela, e acirrou ainda mais as brigas por título, Libertadores e contra o temido rebaixamento. Com base nos dados do site Infobola, do matemático Tristão Garcia, o Torcedores.com atualiza os todos os números nesta reta final do certame mais parelho dos últimos anos.

Cido Vieira
Jornalista em formação, e apaixonado por futebol desde criança. No Torcedores.com desde o ano de 2017, já acumulei diversas funções no site e atualmente me dedico a cobertura do futebol nordestino.

Crédito: Montagem: Cido Vieira - Torcedores.com

CHANCES DE TÍTULO

Após bater o Ceará no Pacaembu e contar com o empate do concorrente direto Internacional com o Santos, o Palmeiras não só ampliou sua série invicta para 15 partidas, bem como deu um salto significativo ao título de acordo com o matemático. Alternando-se entre Libertadores e Brasileirão, o Verdão tem 74% de probabilidade de levantar o seu décimo título no certame.

Melhor campanha do returno com quase 90% de aproveitamento, os comandados de Felipão estão há quatro tentos de distância para o vice-líder Flamengo, próximo adversário na sequência. Ou seja, os números alviverde podem se tornar ainda mais expressivos, ou o rubro-negro carioca que possui 17%, pode se fortalecer ainda mais.

Quem chega e quem sai dos clubes?

 

O tropeço diante do Santos custou ao Internacional não só a vice-liderança, como a queda vertiginosa nas chances. Terceiro colocado, o Colorado agora aparece com 7% de probabilidade de conquistar o título brasileiro. Líder por diversas rodadas, o São Paulo faz um segundo turno irreconhecível, e por isso figura com apenas 1% de chances.

Palmeiras – 74%

Flamengo – 17%

Internacional – 7%

São Paulo e Grêmio – 1%


LIBERTADORES

O trio que aparece nas primeiras posições na tabela aparecem com mais de 90% de chances e só ficarão fora próximo torneio continental em caso de desastre nas últimas rodadas. São Paulo e Grêmio aparecem com 53% e aparecem como francos favoritos a fechar os representantes. Ainda distantes em pontuação na tabela, o Galo tem 3% e o Santos 1%.

Palmeiras – 99%

Flamengo – 96%

Internacional – 95%

São Paulo e Grêmio – 53%

Atlético-MG – 3%

Santos – 1%


REBAIXAMENTO

É o cenário mais complicado neste Brasileirão. Exceto o Paraná, que já está virtualmente rebaixado, a briga do 19º até o 11º colocado é interessantíssima, afinal são apenas sete pontos separando estas equipes. Após o Tricolor paranaense, o Sport é quem aparece com o risco mais iminente de queda. Com 71% de chances, o Leão rubro-negro terá que contornar uma situação bem mais complicada em relação à temporada passada.

Dando sequência aos desesperados, Chape com 65% e Ceará com 46%, mas tendo um jogo a cumprir, estão com o alerta ligado. Oscilando na tabela, o Vitória possui 35% de possibilidade de descenso, seguido do América-MG e Vasco, ambos com 26%. Atual campeão brasileiro, o Corinthians ainda corre risco: 9%

Paraná – 99%

Sport – 71%

Chapecoense – 65%

Ceará – 46%

Vitória – 35%

América-MG – 26%

Vasco – 26%

Botafogo – 18%

Corinthians – 9%

Bahia – 4%

LEIA MAIS:
BRASILEIRÃO: CONFIRA O RANKING DAS EQUIPES MAIS FALTOSAS APÓS A 30ª RODADA
BRASILEIRÃO: CONFIRA A CLASSIFICAÇÃO ATUALIZADA APÓS A 30ª RODADA
STJD NOTIFICA CBF SOBRE CLUBES INADIMPLENTES E PEDE SUSPENSÃO DOS MESMOS DAS COMPETIÇÕES NACIONAIS