Nilton projeta confronto decisivo do Bahia com o Atlético-PR: ‘todo detalhe faz diferença’

Em uma partida decisiva, todos os detalhes farão diferença para o resultado final da partida. É com esta mentalidade que o Bahia vai entrar no gramado sintético da Arena da Baixada nesta quarta-feira (30). Nilton fala em consistência tática e foco para derrubar a invencibilidade do time rubro-negro diante de seus torcedores.

Victor de Freitas
Baiano, 25 anos, jornalista formado pela Universidade Jorge Amado (UniJorge). Apaixonado por esportes em geral, de preferência basquete, tênis e futebol. Contato: victorw10@outlook.com

Crédito: Felipe Oliveira / EC Bahia

Atual titular no meio-campo e capitão do Bahia nos últimos jogos, Nilton fala sobre a importância de manter atenção aos detalhes e saber aproveitar o que a competição oferece, que neste caso é o gol fora de casa como critério de desempate.

“É uma decisão. É um jogo onde todo o detalhe vai fazer uma diferença. A Sul-Americana proporciona o gol fora, você poder estar igualando e levar para os pênaltis. Se fizer 2 a 1 tem o critério dos dois gols fora na casa do adversário, não é? Acho que a gente vai dar um passo de cada vez, fazer um jogo consistente para não dar oportunidades à equipe do Atlético-PR e tentar surpreender eles aqui dentro. Claro, sempre respeitando, mas colocando o ritmo do Bahia que a gente vem apresentando dentro da temporada”, disse o meio-campista, em entrevista no CT do Curitiba.

Conheça a 1xBet:

Um novo jeito de fazer sua aposta esportiva!

Promoção Torcedores: Clique aqui do seu celular ou ligue 04949984011250 para concorrer a R$ 2000 e a um encontro com um ídolo do esporte. Sorteio pela Loteria Federal
Valor da ligação: R$ 3,99 + impostos. Saiba mais www.promotorcedores.com.br

O Esquadrão de Aço tem alguns desafios para conseguir a classificação à semifinal da Sul-americana. Além de precisar ganhar fora de casa, o Tricolor necessita quebrar um tabu de triunfos na casa do Atlético e, principalmente, acaba com a série de 12 triunfos consecutivos da equipe rubro-negra dentro da Arena da Baixada.

“Tem 90 minutos aí para impor um ritmo forte… Sabemos da invencibilidade que a equipe deles tem dentro de casa, uma sequência. Mas a gente está vindo para quebrar esse tabu e dar continuidade na Copa Sul-Americana, até porque é um dos nossos principais campeonatos como o brasileiro. Temos a oportunidade de conquistar uma classificação aqui, claro que não vai ser fácil, mas a gente sabe da qualidade e potencial do nosso elenco para ir adiante nesse campeonato”, projetou Nilton.

Apesar de acumular duas derrotas e um empate contra o Atlético em 2018, Nilton vê a quantidade de jogos contra o time paranaense como um fator importante, por permitir que a comissão técnica e os jogadores conheçam melhor o adversário.

“A gente, como eles, não tem aquele momento que deixamos de estudar a equipe, não é? Você ter uma cautela no começo da partida, mas é claro que você sabe qual o jogador dá um corte, tem uma profundidade. Tem umas características que a gente acaba não esquecendo por enfrentar vezes seguidas assim. Agora uma coisa, não vou dizer que atrapalha tanto, é o gramado (sintético). Mas nossa equipe vai entrar concentrada para não ser surpreendida aqui”.

Atlético e Bahia se enfrentarão às 21h45 desta quarta.