DESTAQUE

Antero Greco é demitido do Estadão após 14 anos como colunista

Publicado às

Jornalista de esportes desde 2005, com passagem pelo UOL e Terra. Editor de comunidades do Torcedores.com e blogueiro do renanprates.com

Crédito: Foto: Reprodução/Mundo ESPN

Após 14 anos como colunista do Estadão, o jornalista Antero Greco foi demitido da função pelo veículo de comunicação. Sua última coluna, que foi sobre o Palmeiras, foi publicada pelo jornal nesta quarta. Ele segue nos canais ESPN.

Você conhece o canal do Torcedores no Youtube? Clique e se inscreva!

“Depois de 14 anos como colunista, e de 44 e meio de colaboração, encerro parceria de uma vida com o Estadão, O amigo André Véras reproduziu o texto de hoje, o último no jornal em que nasci, cresci e me projetei no jornalismo. Como diria um boleiro: “Sou parte da história dele”, escreveu Antero no Twitter.

Em contato com o Torcedores, Antero disse que foi comunicado pelo editor de esportes do Estadão que a sua demissão se tratava da consequência de uma contenção de despesas imposta pelo veículo de comunicação.

“E sei como são difíceis esses momentos. Meu carinho pelo jornal é eterno, e nem tem como ser diferente. Fora as duas mil colunas devo ter uns outros 3 mil textos assinados lá. Isso é história. História bonita. A coluna foi, para mim, um exercício estilo (costumo frisar que escrevi “crônicas”) e de diálogo com o leitor. Além de prova de agilidade, pois milhares de vezes eu a atualizei, com dados novos ou com correções, mesmo em início de madrugada. Era uma cria da qual cuidei com carinho o tempo todo. Dá aperto, mas é da vida. Nossa profissão tem disso. As coisas bonitas ficarão pra sempre”, disse o jornalista.

Antero Greco negou qualquer viés ideológico na sua demissão, nem censura ao seu trabalho: “Nunca deram nenhum palpite no que eu escrevi. Jamais vetaram meus temas”.

Veja a reprodução do último texto de Antero no Estadão