Torcedores | Notícias sobre Futebol, Games e outros esportes

Elton, ex-atacante do Vasco, relembra gol marcante contra o Atlético-PR em 2011

Nesta quarta (14/11), às 19h30 (de Brasília), Vasco e Atlético-PR se enfrentam em São Januário, pela 34ª rodada do Campeonato Brasileiro. E é quase que inimaginável pensar nesse confronto sem se lembrar do memorável 1 a 1 de 2011, pela Copa do Brasil, na fase de quartas de final, também na Colina Histórica, que levou o Cruzmaltino à semifinal da competição, cuja qual, posteriormente, viria a ser campeão. E para relembrar essa partida inesquecível na memória dos vascaínos (e outros assuntos), o TORCEDORES.COM conversou, com exclusividade, com o protagonista daquela noite: Elton, autor do gol da classificação do Gigante àquela oportunidade, além de uma ‘palinha’ de Éder Luis falando sobre o antigo companheiro. Confira:

Raphael Fernandes
Colaborador do Torcedores

Crédito: Marcelo Sadio/Vasco.com.br

1 – Impossível falar de Vasco x Atlético-PR em São Januário sem recordar o seu gol no empate em 1 a 1 pela Copa do Brasil de 2011, que garantiu o Cruzmaltino nas semifinais. O quão marcante/importante foi esse gol para você, para sua carreira?

”Aquele gol é muito marcante para mim. Entrei no meio do segundo tempo com essa missão, com a missão de fazer um gol e ajudar o time a se classificar. Lembro bem daquele lance: o Felipe inverteu uma bola pro Fagner na intermediária, e ele cruzou. Subi bem de cabeça, cabeceei e a bola entrou no ângulo. Foi um gol bonito e também importante. Já estava na reta final do jogo e empatamos com esse gol meu, que foi o da classificação. Foram dois jogos muito parelhos, empatamos fora de casa em 2 a 2 e o 1 a 1 em São Januário colocou o Vasco na semifinal. Da maneira com que tudo aconteceu, acho que foi um jogo que nos deu muita força para buscarmos o título, nos deu muita moral , e graças a Deus esse título veio.”

Elton, no momento do apito final do árbitro e da consequente classificação, agradece a Deus o gol salvador contra o Atlético-PR em 2011, que garantiu o Vasco nas semifinais da Copa do Brasil.

Foto: Marcelo Sadio/Vasco.com.br

2 – E por falar em título, quais principais recordações você guarda daquela noite em Curitiba e também do ano de 2011 por completo?

”Naquele ano, eu tinha retornado ao clube depois de jogar em Portugal. Fiquei muito feliz e animado em voltar, é um clube que eu tinha e tenho um carinho muito grande. O Vasco de 2011 realmente tinha um time muito forte e um grupo também muito bom. Ganhamos a Copa do Brasil contra o Coritiba, vencemos o primeiro jogo em São Januário e, mesmo perdendo por 3 a 2 fora, o título foi nosso. Dois grandes jogos. Nosso elenco era muito bom, e também ficamos perto do título Brasileiro, acabamos com o vice-campeonato naquele ano com só dois pontos atrás, brigando até a última rodada.”

3 – Por falar em Campeonato Brasileiro de 2011, e continuando a citar o Atlético-PR, você parece ter uma ‘sina’ contra eles, já que também balançou as redes atleticanas no confronto do Brasileirão, marcando dois gols no empate em 2 a 2 na Arena da Baixada. Na sua opinião, o que faltou ao Vasco para ficar com o título da competição?

”É verdade, também tiveram esses dois gols no Atlético-PR pelo Brasileirão. O ano de 2011 foi muito bom para mim e pro clube, pude ser artilheiro do Vasco naquele campeonato, junto com o Diego Souza. Fizemos uma grande campanha naquele Brasileiro, tivemos um dos melhores ataques e brigamos pelo título até o final, foi decidido na última rodada. Foi coisa de detalhe não ficarmos com o título, e o Corinthians também tinha uma grande equipe. São coisas do futebol.”

Elton comemorando mais um gol contra o Atlético Paranaense em 2011, dessa vez pelo Campeonato Brasileiro, na Arena da Baixada.
Foto: Marcelo Sadio/Vasco.com.br

4 – Como era o ambiente daquele elenco? Mantém contato com alguns jogadores ainda?

”Já faz um tempo, mas ainda mantenho contato com alguns jogadores. No mundo do futebol a gente acaba se reencontrando com antigos companheiros de clube. O ambiente era muito bom, todo mundo amigo, e aquele grupo também era muito forte. Todos os setores da equipe tinham grandes jogadores, todo mundo se dava muito bem. Era um grupo campeão, que ficou marcado na história do Vasco, e fico muito feliz ter feito parte dessa história. Tenho um carinho muito grande pelo Vasco.”

5 – Considera o Vasco o clube com passagem mais marcante em sua carreira? E por falar em carinho: sonha em retornar?

”Acho que podemos dizer que sim, foi muito marcante, sem dúvida. Foram duas passagens muito felizes e dois títulos, muitos gols também, graças a Deus. Fui artilheiro da Série B de 2009 quando fomos campeões, voltamos para a Série A, pude ajudar a recolocar o Vasco no lugar de onde nunca deveria ter saído e foi muito marcante. O título da Copa do Brasil também marcou bastante, era um título que o clube nunca tinha conquistado, e pude ajudar com aquele gol decisivo da classificação para a semifinal. Então, são só boas memórias, como falei, tenho um carinho muito grande pelo Vasco. Sobre voltar, posso dizer que hoje a minha cabeça está totalmente no Figueirense, em ajudar o clube, mas quem sabe um dia.”

6 – Por fim, uma mensagem ao torcedor vascaíno.

”Posso dizer ao vascaíno que ele é um dos torcedores mais apaixonados que já vi, uma torcida fantástica. Sou muito grato a eles e muito feliz por ter vestido essa camisa. É muito legal ver o carinho que a torcida ainda tem por mim, e eu também tenho um carinho muito grande pelo clube e pelo torcedor. A gente sabe das dificuldades que o clube têm enfrentado, mas a torcida nunca deixou de apoiar. O Vasco é gigante e tenho certeza que logo voltará ao caminho das grandes conquistas, porque é isso que o clube e a torcida merecem.”

Éder Luis elogia Elton

Companheiro de clube (e de ataque) de Elton entre 2010 e 2011, o também ex-vascaíno Éder Luis foi só elogios ao antigo colega:

”Elton é um centroavante de presença de área e que também busca criar suas chances de gols. Na época, tinha ele e o Alecsandro, mas o Elton, sem dúvidas, fez muita ‘sombra’ e foi um dos pilares da nossa campanha na Copa do Brasil e no Campeonato Brasileiro, e demonstrou isso não só no Vasco, mas em suas passagens por outras equipes de respeito no cenário. Fico feliz de ter compartilhado bons momentos com ele em minha carreira. Sem dúvidas, o torcedor tem grandes lembranças dele, e não só nessa conquista de 2011, mas também no acesso de 2009, no qual ajudou bastante a colocar o Vasco em seu devido lugar. Enfim, um grande atleta, grande jogador, e não à toa está aí em atividade marcando seus gols.”

Éder Luis e Elton comemoram gol contra o Grêmio, também em 2011.
Foto: Marcelo Sadio/Vasco.com.br

 

LEIA MAIS

À ESPERA DE CASA CHEIA, VASCO APOSTA NA FORÇA DE SÃO JANUÁRIO, ONDE NÃO PERDE HÁ CINCO MESES E NUNCA FOI DERROTADO PELO ATLÉTICO-PR