Conheça os maiores artilheiros estrangeiros do Corinthians

Corinthians sempre foi bem representado por estrangeiros quando o assunto é bola na rede. Seja fazendo gols decisivos em finais ou tendo o nome entre os maiores artilheiros do estádio, a torcida está acostumada a comemorar gols “não brasileiros”.

Gustavo Rodrigues
Colaborador do Torcedores

Crédito: Divulgação/Facebook

Veja abaixo a lista de maiores goleadores estrangeiros do Corinthians:

Fabián Cornelio Balbuena González – Balbuena (Zagueiro) – 11 gols
Mesmo jogando como zagueiro, Balbuena acumula uma boa média de gols (0,11) para a posição. Jogou no Corinthians de 2016 até 2018 acumulando não só gols, mas também alguns títulos. Seus gols e as boas atuações despertaram o interesse do futebol europeu. Hoje atua pelo West Ham da Inglaterra.

German Gustavo Herrera – Herrera (Atacante) – 23 gols
O argentino Herrera é o jogador com menos jogos da lista (56), mas que já foram suficientes para marcar a história corintiana com uma média de 0,36 gols. Atuou pelo Alvinegro no ano de 2008, onde disputou Campeonato Paulista, Copa do Brasil e Série B. Atualmente Herrera defende o time que o revelou ao futebol, o Rosário Central da Argentina.

Ángel Rodrigo Romero Villamayor – Romero (Atacante) – 38 gols
O atual atacante da equipe e artilheiro da Arena Corinthians chegou ao Parque São Jorge no final de 2014, após passagem pelo Cerro Porteño, e hoje é titular da equipe. Embora sua média não seja espetacular (0,19), o jogador ganhou admiração dos torcedores pela dedicação em campo. Romero tem contrato até Julho de 2019.

Carlos Alberto Martínez Tévez – Tévez (Atacante)- 46 gols
O jogador com maior currículo da lista atuou pelo Corinthians de 2005 até 2006 e conseguiu uma média de (0,58). Mesmo com os bons números, Tévez teve uma passagem conturbada pelo clube, seja pelas eliminações nos torneios, ou pelo seu mau relacionamento com a diretoria na época. Hoje, com 34 anos, atua pelo Boca Juniors.

José Paolo Guerrero Gonzales – Guerrero (Atacante) – 54 gols
O maior goleador estrangeiro do Corinthians chegou ao clube em 2012, para a vaga deixada por Liédson. Teve uma passagem muito vitoriosa pelo clube e anotou, para muitos, o gol mais importante da história corintiana, diante do Chelsea na Final do Mundial de Clubes. Em 2015, o clube liberou para que fosse contrato por outra equipe. Hoje seu vínculo é com o Internacional.