Botafogo mantém base do ataque para 2019; confira

O Botafogo perdeu peças importantes do seu ataque no final de 2018. Erik e Brenner não devem permanecer em General Severiano para a próxima temporada. O primeiro pertence ao Palmeiras e ainda tem futuro indefinido, enquanto o segundo já foi emprestado pelo Internacional ao Goiás.

Glauco Costa
Colaborador do Torcedores

Crédito: Foto: Vitor Silva/SSPress/Botafogo.

Todavia, nem tudo é motivo para lamentar. Em 2019, o Alvinegro começará o ano mantendo a base de seu ataque na atual temporada. Kieza, Luiz Fernando e Rodrigo Pimpão, titulares em boa parte do ano, seguem no clube carioca e ainda contam, até o momento, com a companhia de Rodrigo Aguirre e Ezequiel. Estes, no entanto, tem futuro incerto.

Aguirre tem contrato até o meio do ano e está emprestado pela Udinese, da Itália. Com cada vez menos oportunidade sob o comando do treinador Zé Ricardo, ele deve, no máximo, ficar até o final do Campeonato Carioca. Ezequiel, por sua vez, não esconde a possibilidade ser emprestado para ter mais oportunidades em campo.

Assim, apesar de ter um trio que já atuou junto para a próxima temporada, o Fogão precisa buscar opções no mercado da bola. O clube ainda tenta a permanência de Erik, mas este tema não terá desfecho em 2018.

LEIA MAIS:
Presidente do Botafogo envia mensagem para sócios; confira
Mercado da bola: Fogão pode negociar atacante com o Sport
Preparador do Fogão fala sobre chegada de Diego Cavalieri; confira
Com Bandeira de Mello, Flamengo teve os mesmos resultados que os rivais
Veja até quando duram os contratos dos laterais do Botafogo
Mercado da bola: Treinador da base deixa o Botafogo e vai para o Goiás

Crédito da Foto: Vitor Silva