Torcedores | Notícias sobre Futebol, Games e outros esportes

Kaká fala sobre a participação no Jogo das Estrelas, futuro nos gramados, Paquetá e Neymar; confira

Kaká participou do Jogo das Estrelas na noite desta quinta (27), e falou sobre o seu futuro nos gramados; o craque campeão do mundo com a seleção brasileira ainda falou de Paquetá no Milan e Neymar na bola de ouro. Confira.

Andressa Fischer
Gaúcha, 22 anos | Escrevo sobre vôlei, futebol feminino e dupla Gre-Nal.

Crédito: Foto: Reprodução/YouTube

O Jogo das Estrelas aconteceu na noite dessa quinta-feira (27), e terminou com vitória por 7-5 do time de Vermelho (Zico), contra o time Branco. Além do dono da festa, Zico, a equipe vermelha contou com Kaká, e outros craques, como: Paquetá, Júnior, Didico, Vinícius Júnior, Júlio César, entre outros.

O último brasileiro que ganhou a bola de ouro elogiou a torcida presente no Maracanã, e a festa espetacular que aconteceu no templo do futebol mundial nessa noite. O craque ainda falou sobre o seu futuro nos gramados:

“Parecido com 2018 ainda… Então acredito que eu preciso de um tempo fora do campo. Tenho muita experiência (dentro) de campo, mas preciso ganhar mais de parte técnica, pra depois voltar em um outro momento. Então, (um tempo) de preparação, estudo, de fora, pra depois participar do dia-dia de campo.”

Você conhece o canal do Torcedores no YouTube? Clique aqui e se inscreva!

Perguntado se preferia atuar como dirigente ou técnico, ele completou:

“Bom… Hoje seria mais como dirigente, mas (eu) gostaria muito de fazer o curso de treinador também, vê como funciona tudo isso, e até se eu for pro lado de diretor… a visão do lado do treinador também. Isso que eu tô planejando pra esse ano, ter essa amplitude, enxergar com outra perspectiva, pra depois voltar. Então hoje a princípio seria isso, de gestor.”

E se preferia atuar no Milan, ou em São Paulo, ele afirmou que os clubes ou jogou seriam prioridades, mas que não sabe onde seria ainda.

Sobre Lucas Paquetá ir jogar no Milan, e as comparações que ocorrem entre os dois, Kaká afirmou:

“Primeiro, eu não gosto muito dessas comparações. Mas (eu) falei pra ele que ele tem que entender que isso é normal, mas não levar isso como um peso. Aos poucos as pessoas vão vendo como é o estilo dele de jogo, ele vai fazer a história dele no Milan. Aos poucos ele vai desvinculando de outros jogadores brasileiros que passaram por lá.

Ainda sobre Paquetá, o ex-jogador do São Paulo e do Milan completou:

“Então, o que eu falei pra ele é: desejei primeiro muito sucesso. É realmente uma ótima oportunidade pra ele de entrada na Europa. (Um) Clube onde abraça os brasileiros, tem uma história muito legal… tem o Léo agora como diretor, então tem tudo pra ele ter tempo de aprender a jogar na Europa. Acredito que tá no caminho certo. Vai ter muito sucesso na Europa, também.”

Quando perguntado sobre o sonho do Neymar de um dia ganhar o prêmio de Melhor do Mundo, ele respondeu:

“Aconselho o Neymar a continuar fazendo o que ele tá fazendo, e o prêmio vai vim no coletivo. Mas acho que ele já entendeu isso também, e o coletivo vai premiar ele, porque protagonista ele vai ser, tanto no clube, quanto na seleção. E aí é um pouco em relação de jogo, se o PSG for bem, e ganhar uma Champions esse ano, por exemplo.”

LEIA MAIS

Neymar fala de momento difícil com a seleção neste ano e projeta 2019: “Temos que vencer”

 

As melhores notícias de esportes, direto para você