Torcedores | Notícias sobre Futebol, Games e outros esportes

MIBR derrota NRG e avança nas finais da ESL Pro League Season 8

A MIBR venceu mais uma partida nas finais da ESL Pro League Season 8 de Counter-Strike: Global Offense. Na manhã desta quarta-feira (05),a organização brasileira derrotou a NRG por dois mapas a um e avançou na competição realizada em Odense, na Dinamarca.

Mário Fontes
Estudante de Jornalismo na UFPE, fã de esportes, apaixonado por futebol mas também rugby e futebol americano.

Crédito: MIBR passou sufoco para vencer a NRG nas finais da ESL Pro League Season 8. (Foto: HLTV.org/Divulgação)

Em série melhor de três, a equipe brasileira suou para ficar mais perto das semifinais torneio. Iniciando no mapa “Overpass”, o domínio no começo de Gabriel “FalleN” Toledo e cia foi visível.

Com amplo domínio e grandes atuações de FalleN e de Tarik “tarik” Celik, o time abriu 11×4 na primeira metade, jogando do lado CT. A reação da NRG veio juntamente com a vitória no round pistol, porém, foi parada com três bons rounds em sequência da MIBR. No fim, triunfo por 16×7.

O segundo mapa foi “Inferno”. Desta vez, maior equilíbrio entre as equipes. No entanto, a organização brasileira seguiu com ligeira vantagem. Vencendo três rounds em sequência no início, tudo parecia se encaminhar para outra vitória fácil.

No entanto, a NRG melhorou e conseguiu fechar a primeira metade à frente com um 8×7. Do lado TR, o time seguiu sua reação e venceu quatro rounds seguidos para depois fechar o mapa em 16×8 e levar a decisão para o terceiro.

Na “Mirage”, a organização americana continuou a dominar, e abriu 10×5 na primeira metade. No entanto, ao mudarem os lados, Marcelo “Coldzera” David apareceu e iniciou a reação da MIBR, ajudando a levar a partida para a prorrogação.

Nela, pesou a experiência dos brasileiros, que fecharam o mapa em 19×16, garantindo vaga, assim, na próxima fase do torneio. Com o resultado, a organização brasileira aguarda o vencedor entre mousesports e Natus Vincere.
MAIS BRASILEIROS
Além da MIBR, a Sharks também avançou no torneio, disputando o “lower bracket”. Diante da dinamarquesa North, a organização portuguesa com line up brasileira aplicou 2×0 na série melhor de três e conseguiu se manter viva na competição.

Agora, a Sharks encara o perdedor de mousesports e Natus Vincere.

Quem não teve a mesma sorte foi a INTZ. A organização brasileira foi derrotada na última terça-feira (05) pela G2 e deu adeus ao torneio com duas derrotas.

Leia mais
MIBR estreia com vitória nas finais da ESL Pro League Season 8
INTZ estreia com derrota nas finais da ESL Pro League Season 8