Proteção: Mulheres portadoras de HIV têm esquema diferenciado de vacinação contra HPV; saiba mais

O HPV (sigla em inglês para Papilomavírus Humano) é uma doença que pode atingir homens e mulheres, sem distinção. Além de causar lesões na pele e mucosas das regiões genitais e no ânus, o vírus pode causar até mesmo câncer. E para evitar tudo isso, o meio mais seguro de se proteger é a vacinação.

Conteúdo patrocinado
Colaborador do Torcedores

Crédito: Rodrigo Nunes/MS

O público-alvo da vacinação contra HPV são crianças e adolescentes entre 9 e 14 anos de idade (no caso de meninas) e 11 e 14 anos (para meninos). Mulheres portadoras do vírus HIV entre 9 e 26 anos, entanto, também precisam se vacinar.

Enquanto crianças e adolescentes precisam tomar duas doses da vacina com seis meses de intervalos, mulheres com HIV necessitam de uma dose adicional para se protegerem do HPV. Após a primeira dose, é preciso um intervalo de dois meses para que a segunda dose seja aplicada. Entre a segunda e a terceira dose, o período de espera é de seis meses.

A vacinação contra HPV independe de outras doenças. Isso significa que a dose quadrivalente pode ser ministrada junto de doses preventivas a outros males, desde que em partes diferentes do corpo.

Vale lembrar sempre que a vacinação é segura à saúde e não há efeitos colaterais graves. É raro, mas podem acontecer reações após a aplicação da vacina. Quando isso acontece, normalmente é algo rápido e leve, sem riscos.

O HPV é uma doença sexualmente transmissível pode causar câncer e, em boa parte dos casos, não apresenta sintomas aparentes. Para se prevenir, o meio mais eficaz é a vacinação. Uso de preservativo e exames preventivos, como o papanicolau, também ajudam a evitar o vírus.

Descubra como todos os esportistas devem se proteger. Clique aqui e saiba mais.

LEIA MAIS:
Proteção: saiba o que é o HPV e como evitar a doença
Proteção: tudo o que você precisa saber sobre vacinação contra HPV
Proteção: prevenção contra HPV começa na infância; saiba quais são as vacinas nesta faixa etária