Torcedores | Notícias sobre Futebol, Games e outros esportes

Retrospectiva 2018: Relembre a campanha do Grêmio no Brasileirão

Chegando próximo ao final de 2018, o Torcedores.com tem realizado uma série de reportagens especiais para relembrar todos os melhores e piores momentos do esporte mundial ao longo deste ano. Desta vez, o fato a ser relembrado é a campanha do Grêmio no Campeonato Brasileiro.

Victor de Freitas
Baiano, 25 anos, jornalista formado pela Universidade Jorge Amado (UniJorge). Apaixonado por esportes em geral, de preferência basquete, tênis e futebol. Contato: victorw10@outlook.com

Crédito: Lucas Uebel / Grêmio

Como geralmente ocorre, o Grêmio iniciou a disputa do Brasileirão de 2018 como um dos principais candidatos à conquista da taça mais desejada do futebol nacional, devido a um elenco considerado como forte, além ter sido campeão da Libertadores no ano anterior.

A campanha gremista na Série A foi equilibrada ao longo das 38 rodadas, com pontuações semelhantes nos dois turnos. Entretanto, o fato de ter disputado a Libertadores ao mesmo tempo, foi mais uma vez motivo para “deixar de lado” o campeonato nacional para priorizar a disputa continental. Sendo assim, o considerado “time B” foi bastante usado por Renato Portaluppi.

Aniversário CLUBE EXTRA

Clique e veja as melhores promoções!

No primeiro turno, o Tricolor fechou as 19 rodadas iniciais com 36 pontos e ocupando o quarto lugar. Já no returno, foram 30 pontos somados pelo time gaúcho, que teve a quinta melhor campanha.

Ao final do Campeonato Brasileiro, o Grêmio teminou justamente na quarta posição, com 66 pontos – uma campanha de 18 vitórias, 12 empates e somente oito derrotas.

Foi quarto time com mais vitórias conquistas e o terceiro com menos derrotas sofridas.

Decepções

Com a exceção de Everton, que foi o principal goleador do time, com 10 gols marcados, o setor ofensivo gremista deixou a desejar na temporada.

Isto porque, os outros principais atacantes do elenco, Jael, André e Luan, juntos marcaram apenas 11 gols. O camisa 7 foi quem mais decepcionou no quesito bola na rede, com apenas um gol marcado no campeonato.

Em geral, o comando de ataque tricolor não foi o que era esperado de um time que luta pelo troféu de campeão. Marcou 48 gols em 38 rodadas. Em comparação, o campeão Palmeiras anotou 64.

Destaques

Se por um lado o setor ofensivo poderia ter sido melhor, a defesa não tinha como ter atuações melhores do que foram vistas na competição. O Tricolor terminou como a melhor defesa da Série A, empatado com o Palmeiras, com apenas 27 gols sofridos.

Os principais destaques individuais do Grêimo no Brasileirão foram atletas como Geromel, Kannemann e Everton.

LEIA MAIS:

As melhores notícias de esportes, direto para você

 

ENQUETE: QUEM FOI O MELHOR JOGADOR DO GRÊMIO EM 2018?