Virou passeio! Alemanha aplica goleada em seleção brasileira de handebol

Alemanha esmaga o Brasil no Mundial de Handebol Masculino. Donos da casa acumulam segundo resultado positivo enquanto brasileiros têm segunda derrota na competição. Jogo terminou 34 a 21, mas o eterno 7 a 1 foi lembrado.

Juvenal Dias
Colaborador do Torcedores

Crédito: Captura de imagem. Como se não bastasse a goleada convencional, no final da transmissão apareceu o 7 a 1 para Alemanha

O Brasil não foi páreo para a Alemanha no Mundial de Handebol Masculino. Os donos da casa massacraram os brasileiros desde o início da partida. Chegaram a abrir 5 a 1. Antes que viesse a recordação do fatídico placar da Copa de 2014, o time sul-americano descontou. Diferentemente de ontem, quando o Brasil jogou muito bem diante da França, neste sábado (12), a seleção pareceu dispersa e assustada em quadra. Muitos erros de ataque e ineficiência em conversões dos disparos efetuados deram a tônica da partida. Outro fator que colaborou para a diferença tão elástica foi o goleiro alemão Andreas Wolff, que defendeu lances cruciais.

Progressivamente, a diferença foi aumentando e tornando a cada momento uma possível reação mais difícil. O primeiro tempo acabou com sete gols de vantagem para os donos da casa, 15 a 8. Em determinado momento da segunda etapa, o Brasil melhorou seu desempenho. Nada que fosse suficiente para preocupar a Alemanha, que ampliava a vantagem com naturalidade. A torcida, que lotou a Mercedes-Benz Arena, em Berlim, fez grande pressão e se divertiu com a exibição de seus compatriotas. Vibrava a cada falta que barrava um ataque brasileiro.

Duas estatísticas representam bem a diferença. A Alemanha teve 55 arremessos contra 41 do Brasil. O outro dado apareceu ao final da partida nos caracteres da transmissão, foi o 7 a 1 em roubadas de bola a favor dos europeus.

O lado bom da história para nós é que os dois adversários mais difíceis da chave já foram. O campeonato começa efetivamente para o Brasil agora. Domingo será um dia de se recompor, para na segunda enfrentar a Sérvia, às 12h30. O time brasileiro sonha com uma classificação para a próxima fase e isso passa, necessariamente, por uma vitória contra os sérvios. E, depois, contra os russos, terça-feira, no mesmo horário.

LEIA MAIS

Mundial de Handebol Masculino: hoje é dia de Brasil; veja quais serão os jogos deste sábado (12)