Torcedores | Notícias sobre Futebol, Games e outros esportes

Khabib explica briga com colega de McGregor após UFC 229

Khabib Nurmagomedov venceu Conor McGregor no UFC 229, mas o evento ficou marcado por uma briga generalizada entre as equipes, com o russo pulando para fora do octógono para brigar com Dillon  Danis, colega de treinos do ‘Notorious’.

Victor Martins
Formado na Universidade Metodista de São Paulo. No Torcedores desde 2016 ou algo parecido.Antes trabalhei para a GG12 (empresa de prestação de serviços de conteúdo para sites)

Crédito: Reprodução

O campeão peso-leve do UFC deu entrevista ao podcast ‘Submission Radio’ e explicou o motivo de ter ido para fora do cage para brigar com Danis. Segundo ‘The Eagle’, o lutador de jiu-jitsu foi o escolhido porque todos os outros treinadores do irlandês seriam ‘velhos demais’ para brigar.

“Não ouvi nada do que ele disse. Fui para cima dele porque todos os outros caras do córner dele eram velhos. Dillon é quase da minha idade, por isso foi atrás dele. Se eu brigasse com John Kavanagh, eu não poderia porque ele não poderia lutar comigo. Foi por isso que briguei com o Dillon. Mas eu não gosto de todos os caras do Conor. Eu escolhi o que eu fiz, mas todos os outros técnicos eram velhos para mim. Eles não poderiam lutar comigo, são da idade do meu pai. Por isso briguei com o Dillon”, disse Khabib.

O russo também falou sobre se sentiu satisfeito com o fato de ter finalizado McGregor pelas provocações deste antes da luta. O campeão dos leves do UFC revelou que sentiu algum tipo de satisfação por vencer o desafeto do jeito que a luta aconteceu.

“Eu queria castigá-lo. Queria cansá-lo. Foi bom quando ele deu os tapinhas, significou muito para mim isso. Ele me pediu ‘por favor, pare’. Foi muito melhor do que um nocaute. Se eu o nocauteasse, digamos, no segundo round, as pessoas diriam que foi sorte. Mas e se eu o destruísse por quatro assaltos e ele batesse? Acabou ali, acho que ele não quer mais lutar comigo. Porque ele sentiu tudo, o meu controle mental, os meus golpes e, além disso, ele bateu”, comentou.

LEIA MAIS

Israel Adesanya revela que vitória dará ‘title-shot’ e afirma: “Sou o tipo de luta que trará o antigo Anderson Silva de volta”

(Crédito da foto: Reprodução)