Marlon Moraes afirma que não mudou postura para promover luta no UFC Fortaleza; saiba mais

Ex-campeão do extinto WSOF, o brasileiro Marlon Moraes (21v-5d-1e) irá fazer uma revanche diante de seu compatriota Raphael Assunção (27v-5d) em duelo que será válido pela categoria peso-galo e que será a principal do card do UFC Fight Night 144 que será realizado no próximo sábado (02), no CFO em Fortaleza, capital do Estado do Ceará.

Dario Ferrari Rocha Teixeira
Escrevo sobre lutas em geral no Torcedores.com. São Paulino, fã do New England Patriots, Los Angeles Lakers e Los Angeles Dodgers. Noivo da Thays Gomes Lima.

Crédito: Reprodução | Instagram: Marlon Moraes.

Friburguense, Marlon Moraes, que perdeu para Raphael Assunção por decisão dividida no UFC 212 em 2017, provovou o pernambucano insinuando que o mesmo deveria agradecê-lo por ter conseguido sua primeira luta principal de um evento em sua carreira, o que foi reprovado por Raphael, que em entrevista ao ‘Combate.com’, afirmou que Marlon mudou completamente de comportamento para promover o duelo.

Em entrevista ao ‘Combate.com’, Marlon Moraes respondeu seu adversário e negou que tivesse mudado de postura para promoção da revanche e elogiou-o.

“Eu acho que sou o mesmo. Eu não tinha muito o que fazer. Com quem eu ia lutar? Eu não tinha um oponente, o único cara hábil a lutar comigo era o Raphael, e eu sabia que essa luta podia me colocar no topo. Acho que eu não falei nenhuma mentira, tudo o que eu falei sempre foi verdade. Eu ter falado que eu ajudei e puxei ele para um main event, não vejo isso como uma falta de respeito, vejo isso como uma posição, foi a minha posição e eu a mantenho, acho que essa posição é minha. Sábado à noite tudo isso vai ser decidido e o melhor vai ser coroado. Ele (Marlon) é difícil de vencer. Porque ele é bom! O Raphael é um atleta muito bom. As pessoas ficam às vezes com essa marcação pelo jogo dele, de decisões, mas o cara é bom, é um bom lutador, tem um recorde no UFC de 10 vitórias, só perdeu para o campeão. Ele só perdeu para o campeão! O cara é bom, é muito duro, muito difícil de ser batido”, disse Marlon Moraes.

Confira abaixo o card (sujeito à alterações) do UFC Fight Night 144: Assunção vs. Moraes 2:

Card Principal:

  • Peso-galo: Raphael Assunção vs. Marlon Moraes;
  • Peso-pena: José Aldo vs. Renato Moicano;
  • Peso-meio-médio: Demian Maia vs. Lyman Good;
  • Peso-leve: Charles do Bronx vs. David Teymur;
  • Peso-meio-pesado: Johnny Walker vs. Justin Ledet;
  • Peso-palha: Livinha Souza vs. Sarah Frota.

Card Preliminar:

  • Peso-médio: Anthony Hernandez vs. Markus Maluko;
  • Peso-mosca: Mara Romero Borella vs. Taila Santos;
  • Peso-meio-médio: Thiago Pitbull vs. Max Griffin;
  • Peso-pesado: Júnior Albini vs. Jairzinho Rozenstruik;
  • Peso-galo: Ricardo Carcacinha vs. Said Nurmagomedov;
  • Peso-mosca: Magomed Bibulatov vs. Rogério Bontorin;
  • Peso-galo: Geraldo de Freitas vs. Felipe Cabocão.

Leia também no TORCEDORES.COM:

JOE DUFFY ENCARA MARC DIAKIESE NO UFC FIGHT NIGHT 147

UFC FORTALEZA: CONHEÇA LIVINHA SOUZA, A “GANGSTER BRASILEIRA”

NAD NARIMANI BATE DE FRENTE COM MIKE GRUNDY NO UFC FIGHT NIGHT 147 EM LONDRES