Mercado da Bola: Ídolo da Ponte Preta com passagens por Santos e Corinthians assume time no MS

Outrora chamado de Novoperário, o Novo surpreendeu na escolha de seu novo técnico. O escolhido para ocupar a casamata do clube do Mato Grosso do Sul em 2019 é Reginaldo Rivelino Jandoso, popularmente conhecido como Piá. Como atleta, ele teve passagens de destaque pela Ponte Preta, passando também por Santos e Corinthians.

Willian Ferreira
Colaborador do Torcedores.com e contador de histórias do esporte.

Crédito: Twitter/Reprodução

O Novo foi o último time que disputará o Campeonato Sul-Matogrossense a escolher um treinador, mas enfim se decidiu. Piá e sua comissão técnica, porém, viajam terça-feira (08) para o estado e assumir a equipe. O anúncio veio no Facebook oficial do clube, que também deu outros detalhes sobre como será o trabalho do ex-jogador à frente do clube.

As redes sociais do clube deixaram claro que a contratação só foi possível graças à Vitrine, empresa de São Paulo. Na mesma publicação, o responsável pelo Facebook do clube deixa claro que parte do elenco está treinando há três semanas conjuntamente.

Atualmente com 45 anos e nascido em Cornélio Procópio, Piá começou a jogar profissionalmente na Internacional de Limeira, em 1992. Lá ficou até 1996, quando foi para o Santos – onde voltou a jogar futuramente. Depois, passou por Coritiba, São José, Bragantino e Matonense. Depois, chegou ao clube onde teve mais destaque: a Ponte Preta. Também atuou no Corinthians, em 2004. Depois, mais clubes: Portuguesa, Corinthians Alagoano, São Raimundo, PAOK, União São João, Rio Preto, Independente de Limeira e Aparecidense.

A carreira do ex-meia como técnico está começando, e ele atuava na Independente de Limeira antes de ser contratado pelo Novo.

Quem chega e quem sai dos clubes?

 

LEIA MAIS
Inter de Limeira substitui analista de desempenho que foi para o Palmeiras; profissional tem apenas 22 anos e sequer é formado
No Twitter, São Paulo dá parabéns a Luis Fabiano no dia do aniversário do atacante – que volta à Ponte Preta em 2019
Polêmica! Presidente do Guarani discorda do mandatário da Ponte Preta quanto ao Deby Campineiro