Champions League Ásia: Giuliano, Maicon e Caio talismã: veja o grupo A da competição

O grupo A conta com Al Nassr, Al Wasl, Al Zawra’a e Zob Ahan. Um grupo com times que ainda não conseguiram vencer o torneio mais importante da Ásia

Rubens Melo
Colaborador do Torcedores.com.

Crédito: site oficial AFC Champions League

Composto somente por equipes do oriente médio, o grupo A conta com equipes tradicionais em seus países, mas que nunca conseguiram vencer a maior competição da Ásia. Das quatro equipes, apenas o Al Zawra’a não possui brasileiros em seu elenco. Ao todo, nove jogadores do Brasil vão atuar pelo grupo A da competição.

AL NASSR, da Arábia Saudita

O Al Nassr talvez seja a equipe com o elenco mais forte da chave. Treinado pelo experiente Rui Vitória, vindo do Benfica, a equipe conta com jogadores com bastante bagagem na Europa, com o atacante marroquino Amrabat, com passagens por PSV, Watford e Leganés.

A equipe saudita nunca venceu a Champions Asiática, mas por duas vezes conquistou a Champions Árabe. Em seu elenco, quatro brasileiros bastante conhecidos. São eles os zagueiros ex-São Paulo Bruno Uvini e Maicon; e os meias Petros, ex-Corinthians e São Paulo e Giuliano, ex-Internacional e Grêmio que inclusive marcou dois gols na fase de playoffs que classificou sua equipe para a fase de grupos da competição.

AL WASL, dos Emirados Árabes Unidos

Assim como o Al Nassr, o Al Wasl nunca conquistou a Champions da Ásia, mas em uma oportunidade já conseguiu a Champions árabe.

O Al Wasl também conta com quatro jogadores brasileiros em seu elenco. Porém, estes bem menos conhecidos que os atletas que atuam pelo Al Nassr. São eles o volante Lima, com passagem pelo Grêmio; Fábio Lima, com passagens por Vasco e Atlétio Goianiense; Ronaldo Mendes, com passagens pelo Santos; e o atacante Caio, que ficou conhecido como o talismã de Joel Santana quando atuava pelo Botafogo.

AL ZAWRA’A, Iraque


O Iraque tem novamente um representante na fase de grupos da Chmapions asiática. A equipe do Al Zawra’a conta com um elenco praticamente de jogadores do seu país.
O time não tem tanta tradição a nível internacional e tem menos partidas disputadas que seus dois rivais, Al Shorta e Al-Quwa Al-Jawiya,

ZOB AHAN, do Irã

Tradicional clube do Irã, o Zob Ahan já disputou por algumas vezes a Champions da Ásia. Porém, nunca passou da fase de grupos da competição.

Apenas um brasileiro atua pelo time iraniano, o atacante Marion, com passagens com Atlético-MG e América-MG estreou esse ano pela equipe.

LEIA TAMBÉM:

Jô marca doblete e Fernando Torres passa em branco em duelo de centroavantes pela abertura da J-League

Champions asiática: Negueba e Diogo ex-Flamengo e atual campeão, confira os times do grupo E