Corinthians elimina Racing e encerra série de jogadores expulsos em jogos decisivos sul-americanos

Após empate por 1 a 1 no tempo normal, o Corinthians bateu o Racing (5 a 4) na disputa por pênaltis, na noite de quarta-feira, no El Cilindro, e avançou à segunda fase da Copa Sul-Americana. Um fator foi importante para o sucesso da equipe: a disciplina. O Timão, que vinha de seis expulsões em quatro eliminações consecutivas em mata-matas sul-americanos, desta vez passou em branco contra os argentinos.

Rafael Alaby
Rafael Alaby é jornalista diplomado pela FIAM (Faculdades Integradas Alcântara Machado), com passagens pela Chefia de Reportagem de Esportes, da TV Bandeirantes, em São Paulo e site KiGOL. Pós-graduado em Jornalismo Esportivo e Negócios do Esporte (FMU)

Crédito: Foto: Daniel Augusto Jr/Agência Corinthians

Durante os 90 minutos em Avellaneda, o Timão levou apenas dois amarelos (Henrique e Pedrinho).

No jogo de volta das oitavas de final da Libertadores 2015, o Corinthians foi eliminado pelo Guaraní-PAR e teve o lateral-esquerdo Fábio Santos e o meia Jadson expulsos.

No ano seguinte, na mesma fase contra o Nacional-URU, o alvinegro perdeu o lateral-direito Fagner no duelo de volta, disputado na Arena.

Na partida que marcou a eliminação corintiana contra o Racing, nas oitavas de final da Sul-Americana de 2017, o Timão terminou o jogo, com Rodriguinho e Jô, expulsos na Argentina.

Quem chega e quem sai dos clubes?

 

Já no duelo decisivo das oitavas de final da Copa Libertadores 2018, contra o Colo-Colo, o Timão teve o lateral-esquerdo Danilo Avelar, expulso. No jogo de ida, em Santiago, o volante Gabriel havia sido expulso no início do segundo tempo.

A sequência do Corinthians com jogadores expulsos em mata-matas sul-americanos

Copa Libertadores 2015 – Fábio Santos e Jadson (Guaraní-PAR, jogo de volta das oitavas)

Copa Libertadores 2016 – Fagner (Nacional-URU, jogo de volta das oitavas )

Copa Sul-Americana 2017 – Rodriguinho e Jô (Racing-ARG, jogo de volta das oitavas)

Copa Libertadores 2018 – Gabriel (Colo-Colo, jogo de ida das oitavas) e Danilo Avelar (Colo-Colo, jogo de volta)

VEJA TAMBÉM:

Love comemora primeiro gol em volta ao Corinthians e explica chance perdida 

Ronaldo posta foto com Cássio, e ídolo do Palmeiras exalta corintianos: ‘Dois monstros’