Time nordestino da Série A lança uniforme para homenagear Zumbi dos Palmares, líder quilombola brasileiro

Após 31 anos, o CSA está de volta à Série A do Brasileirão. Para 2019, além de todos os reforços de praxe, o clube também investiu em seu fardamento. Na noite da última sexta-feira (22), a equipe anunciou um novo uniforme para a equipe. Fazendo alusão à Zumbi dos Palmares, líder quilombola brasileiro, a nova coleção relembra a luta alagoana contra a opressão.

Willian Ferreira
Colaborador do Torcedores

Crédito: Instagram/Reprodução

Confira abaixo a postagem do CSA em suas redes oficiais para anunciar a nova camisa em alusão a Zumbi dos Palmares:

Visualizar esta foto no Instagram.

Integrando a Coleção Azulão 2019, apresentamos o Manto Sagrado de guerreiros, com conceito em alusão ao Zumbi dos Palmares, importante líder quilombola no período colonial. A peça é confeccionada em poliéster e conta com a tecnologia Azulão Dry, oferecendo um tecido leve, confortável e proporcionando absorção do suor do corpo, mantendo-o seco. Seu design é predominantemente preto, conta com detalhes em azul e traz em destaque na região frontal os dizeres "Resistência, Luta e Libertade", palavras que carregamos no peito e que deram força a causa. A mesma descrição é vista na parte interna da gola, que, por sua vez, é polo. Além disso, o escudo do CSA e o emblema da marca Azulão aparecem fixados no tórax. Por fim, complementando os detalhes a camisa tem o número 10 estampado nas costas. Ideal para os torcedores Azulinos demonstrarem seu amor pelo clube com muito estilo, o novo Manto, sem dúvida, é a pedida certa do momento. #Azulão #ZumbidosPalmares #MantoSagrado ⠀ ⠀ ???? Disponível para compra a partir deste sábado, 23 de fevereiro de 2019. Adquira a sua!

Uma publicação compartilhada por Centro Sportivo Alagoano (@csaoficial) em

LEIA MAIS
Em rede social, Tottenham anuncia uniforme para temporada 2018/2019; veja
Dia Mundial do Rock: relembre o uniforme do Brasiliense em homenagem ao gênero
Novo uniforme do Guarani agrada torcida bugrina; veja tweets