Dani Terra analisa a partida contra o Curitiba Vôlei: “Cada ponto conquistado fará diferença para nós”

Na próxima terça-feira (05), em partida válida pela Superliga Feminina, o Brasília Vôlei-DF recebe o Curitiba Vôlei-PR no Distrito Federal. Uma vitória da equipe brasiliense pode embolar ainda mais a tabela e aproximar o clube da zona de classificação.

Arthur Fernandes
Apaixonado por esportes, Arthur Fernandes nasceu na cidade do Rio de Janeiro e tem 4 anos de experiência em jornalismo esportivo. Em suas horas vagas, Arthur costuma aprender novos idiomas para melhorar a sua comunicação. Além disso, o mesmo é torcedor fanático do Orlando City (futebol) e do SESC RJ (vôlei).

Crédito: (Reprodução / Facebook oficial do Brasilia)

Atualmente, o Brasília é o 10° colocado na tabela somando 10 pontos, sendo, três vitórias e 11 derrotas em 14 jogos. Para chegar nas quartas de finais, a líbera Dani Terra acredita que o time está no caminho certo e não há novas decisões para serem tomadas.

Você conhece o canal do Torcedores no Youtube? Clique e se inscreva!

“Estamos fazendo de tudo desde o começo da temporada para conquistar a classificação. Então, não tem novas medidas. Apenas continuar treinando forte, estudando os adversários e conseguir melhorar nosso jogo cada vez mais. Isso se aplica a mim também. O time pode esperar o que eu sempre fiz. Vou treinar duro, estudar, comandar e evoluir dia após dia. Estamos treinando há meses para alcançar o nosso objetivo”, disse Dani Terra ao “Torcedores”.

A próxima partida será o último colocado na zona de classificação. O Curitiba ocupa a 8° posição somando 17 pontos, sendo, cinco vitórias e nove derrotas em 14 confrontos. Uma derrota do time paranaense para a equipe brasiliense pode dar tons dramáticos durante o returno e colocará ainda mais o Pinheiros-SP e o Brasília-DF na disputa.

“É uma partida muito importante igual a todas que teremos pela frente. Com certeza, são as nossas adversárias diretas. Mas, cada jogo e cada ponto conquistado fará diferença para nós. Acredito que esse ano a tabela está toda embolada. Será assim até o último jogo do calendário. Não dá para saber quais serão os oito times classificados para os playoffs”, analisou a líbera Dani Terra em entrevista exclusiva para o “Torcedores”.

LEIA MAIS – Superliga feminina de vôlei 2018/19: confira a classificação 

LEIA MAIS – Osasco-Audax vence Pinheiros na terceira rodada do returno da Superliga Feminina