Liverpool 0x0 Bahia: assista aos melhores momentos do jogo pela Sul-americana

O Bahia está eliminado da Copa Sul-americana de 2019. Na noite desta quinta-feira (21), o Esquadrão ficou no empate por 0 a 0 com o Liverpool, no Uruguai, e deu adeus à competição continental.

Victor de Freitas
Baiano, 25 anos, jornalista formado pela Universidade Jorge Amado (UniJorge). Apaixonado por esportes em geral, de preferência basquete, tênis e futebol. Contato: victorw10@outlook.com

Crédito: Felipe Oliveira / EC Bahia

Assista aos melhores momentos de Liverpool 0x0 Bahia:

https://www.youtube.com/watch?v=bhV1cQxZX0M

O JOGO

Precisando de um triunfo a todo custo para seguir vivo na Sul-americana, o Bahia entrou em campo com sua formação tática habitual, mas desta vez com a entrada de Ramires como principal novidade na escalação inicial.

A primeira etapa foi marcada por equilíbrio nas chances de gols, com uma grande defesa do goleiro de cada um dos lados. A primeira delas foi feita por Douglas, que espalmou um forte chute feito por Gustavino, em cobrança de falta, aos seis minutos.

Em resposta ao primeiro chute do Liverpool, o Bahia também levou perigo em sua primeira chegada. Aos nove minutos, o volante Douglas apareceu na zona de ataque e acertou uma bomba de fora da área. A bola quicou antes de chegar ao goleiro, que fez grande defesa e evitou o gol tricolor.

Antes do intervalo, o Esquadrão levou perigo em novas finalizações de longa distância. Aos 37 minutos, Gregore recebeu passe na intermédia e, de primeira, chutou forte. A bola passou perto da trave. Já aos 42, Moisés chutou rasteiro no canto direito, mas parou em defesa do arqueiro Jorge Bava.

Logo no primeiro lance da segunda etapa, o Esquadrão levou um susto. Com dez segundos de bola rolando, o meia Martínez apareceu livre na grande área tricolor e chutou na saída de Douglas. A bola raspou a trave e ainda balançou as redes pelo lado de fora.

Aos nove minutos, Moisés acertou a primeira finalização do Bahia no segundo tempo, novamente de fora da área e que parou nas mãos do goleiro. Por sua vez, o zagueiro Jackson acertou a trave em cobrança de falta aos 12 minutos.

Além de encontrar dificuldades para marcar gol, o Bahia ainda contou com falhas da arbitragem que influnciavam no andamento da partida. Aos oito minutos, Shaylon levou um carrinho duro por trás, sem bola, mas o árbitro boliviano Gery Vargas deu apenas cartão amarelo. Aos 21 minutos, Ramires foi tocado e derrubado dentro da área, mas a arbitragem nada marcou. Élber também recebeu um carrinho digno de cartão vermelho.

LEIA MAIS:

COM VAR NA LISTA, CBF FAZ PROPOSTA DE MUDANÇAS PARA BRASILEIRÃO; VEJA IDEIAS