Luiz Ceará conta sobre o dia que atrapalhou Tiago Leifert ao vivo na Globo

Fazer televisão ao vivo frequentemente rende situações inusitadas. O repórter Luiz Ceará já viveu algo deste tipo durante a longa carreira. Uma delas ocorreu em 2012, quando ainda trabalhava na Band e foi a Santos entrevistar ao vivo o atacante Neymar para o programa “Jogo Aberto”. Na época, o jovem craque ainda comemorava o prêmio Puskas da Fifa pelo gol mais bonito de 2011.

Rafael Alaby
Rafael Alaby é jornalista diplomado pela FIAM (Faculdades Integradas Alcântara Machado), com passagens pela Chefia de Reportagem de Esportes, da TV Bandeirantes, em São Paulo e site KiGOL. Pós-graduado em Jornalismo Esportivo e Negócios do Esporte (FMU)

Crédito: Foto: Reprodução/TV Torcedores

Até então apresentador do programa “Globo Esporte SP”, Tiago Leifert havia descido a serra para ouvir Neymar, porém, foi surpreendido com a entrada ao vivo de Luiz Ceará, na Band. Percebendo o desespero do colega, que iria apresentar o programa em instantes, Ceará o chamou e Leifert teve aparição relâmpago na tela da concorrente. O fato foi relembrado pelo atual repórter da Rede TV! durante participação no programa “Em Off”, da TV Torcedores.

“Um dia o Neymar ganhou o prêmio de melhor gol do mundo e foi levar o prêmio lá em Santos. E naquele dia tinha aquele ônibus do Globo Esporte e o Tiago Leifert estava lá. Iria levar o Neymar para o ônibus. Só que a Bandeirantes entrava no ar um pouco antes. O Tiago Leifert estava num espaço ali, uma pessoa super do bem e sensacional. E o Neymar atrás. Chamei ele, conversou comigo sobre o gol e o Tiago entrou em pânico porque o Globo Esporte iria entrar no ar. Aí eu falei: ‘inclusive o Tiago Leifert está aqui, Renata (Fan, apresentadora) e tá pra entrar no ar. Tiago vem aqui’. Ele veio e eu botei ele na entrevista. Isso tem na internet”, recordou o repórter.

Acompanhe esse trecho a partir dos 6:17 do vídeo abaixo

Durante o bate-papo com Renan Prates, chefe de reportagem do Torcedores, o jornalista também discorreu sobre outros assuntos, entre eles o motivo de trocar a Globo pela Band no passado, um “quase furo” sobre Romário na seleção e a amizade com Neto, apresentador da Band.

VEJA TAMBÉM:

DAZN confirma parceria com clubes brasileiros para a transmissão gratuita da Sul-Americana