Medalhistas de ouro no Rio 2016, Martine e Kahena vão treinar no Japão de olho em 2020

As velejadoras da classe 49er FX Martine Grael e Kahena Kunze começaram bem o ano de 2019. Após conquistar uma das edições Copa do Mundo da modalidade nos Estados Unidos, as medalhistas se preparam para treinar no Japão a partir de Agosto. Juntamente com o treinador espanhol Javier Torres, a dupla tem focado nas Jogos Olímpicos de Tóquio 2020.

Lucas Meireles
Colaborador do Torcedores

Crédito: Reprodução/Facebook Oficial de Martina Grael e Kahena Kunze

Em 2016, foi emocionante. Na Baía de Guanabara, Martine e Kahena conquistaram a medalha de ouro com apenas dois segundos de vantagem sobre a dupla neozelandesa. Relembre o momento abaixo:

Desde então, a dupla tem velejado tranquilamente. As duas foram campeãs da etapa de Miami da Copa do Mundo da World Sailing, nos Estados Unidos. Agora, as líderes do ranking retornam para o Rio de Janeiro onde vão ficar até Agosto. Quando viajam para Enoshima, no Japão.

“É focar mais no Japão, por ser um lugar que a gente não vai conseguir ir muito antes dos Jogos, então uma vez ali a gente tem que dar o sangue, tentar sugar todas as informações, estudar as questões meteorológicas, de ondas, vai ser um mês muito intenso. Temos que estar bem preparadas para extrair o máximo dessas informações”, disse Kahena em entrevista ao “Globoesporte.com”.

“Lá são condições muito específicas, dá vento ou muito fraco ou muito forte, com muita onda. São condições que poucos lugares do mundo têm, com possibilidade até de tufão”, afirmou Martine Grael.

Apesar de estarem indo para estudar o local, as brasileiras já possuem bons resultados na região. Em 2018, as velejadoras foram campeãs do primeiro evento-teste e da Olympic Week.

A dupla também celebra o retorno do técnico espanhol Javier Torres. O profissional se junta à Martha Rocha na preparação para as Olimpíadas de 2020.

Sangue de velejadoras

Tanto Martine quanto Kahena são filhas de velejadores. Martine Grael é filha do bicampeão olímpico Torben Grael. Enquanto Kahena é filha do campeão mundial júnior da classe pinguim, Claudio Kunze.

Ambas praticam iatismo desde criança.