Pai de sobrevivente do incêndio no CT do Flamengo relata fuga do filho: “Saiu no meio da fumaça”

Caike Duarte Pereira da Silva, de 14 anos, conseguiu fugir do incêndio que atingiu o CT do Flamengo nesta sexta-feira (8). O pai do garoto relatou detalhes da fuga do seu filho do local na tragédia que matou 10 pessoas.

Bruno Romão
22 anos, estudante de Jornalismo, amante da escrita, natural de Campina Grande (PB) e um completo apaixonado por futebol. Contato: bruno.romao.nascimento@gmail.com

Crédito: Reprodução/Facebook

Em declarações feitas ao portal “G1”, o pai de Caike relatou que o jovem atleta do Flamengo pulou de sua beliche, onde estava dormindo, e conseguiu sair do CT sem maiores danos. Ele ainda afirmou que seu filho está em segurança no momento.

“Ele falou que acordou, estava inalando fumaça, pulou da beliche, ele dormia em cima. Saiu no meio da fumaça e, graças a Deus, conseguiu sair” afirmou Renato Pereira da Silva.

A gente não espera, é inesperado isso. Meu filho está bem, mas nós vimos as imagens e foi feio. Foi por Deus mesmo que ele escapou, concluiu.

Caike, natural de Americana, interior de São Paulo, chegou ao alojamento do CT na última segunda-feira para se juntar ao elenco da base do Flamengo.

LEIA MAIS

ATACANTE DA BASE DIZ QUE “AMIGOS MORRERAM” EM INCÊNDIO E LAMENTA TRAGÉDIA: “ESTOU MUITO MAL”

VÍDEO MOSTRA MOMENTO EXATO DO INCÊNDIO QUE ATINGIU CT NINHO DO URUBU; ASSISTA

#FORÇAFLAMENGO: INTERNET PRESTA SOLIDARIEDADE AO RUBRO-NEGRO APÓS TRAGÉDIA NO CT NINHO DO URUBU