Sérvio Laslo Djere conquista o título do Rio Open 2019

Depois de estrear no Rio Open 2019 com uma vitória surpreendente contra o cabeça de chave número um do torneio, o canadense Dominic Thiem, o tenista sérvio Laslo Djere embalou. E confirmou a sua grande semana conquistando o Rio Open neste domingo (24), vencendo o canadense Felix Auger-Aliassime, de apenas 18 anos, por 2 sets a 0. As parciais foram de 6-3 e 7-5.

Gustavo Militão
Jornalista de Recife-PE, apaixonado por esportes.

Crédito: Twitter/Rio Open

Laslo Djere, de 23 anos, deverá dar um grande salto no ranking mundial da ATP com a conquista neste domingo, na quadra do Jockey Club Brasileiro, no Rio de Janeiro. Ele, que começou o torneio como apenas o número 90 do mundo, deverá ser confirmado nesta segunda-feira como número 37 do ranking. Um salto de 53 posições.

O jogo

A partida foi marcada pelo forte calor e pelo nervosismo dos dois jogadores, que nunca chegaram a uma decisão de ATP 500 na carreira. Mas Djere conseguiu se adaptar melhor as condições e abriu 5-2 no primeiro set. Apesar de ter o serviço quebrado na sequência, voltou a quebrar o saque de Auger-Aliassime e fechou o set em 6-3.

Antes do início do segundo set, o sérvio pediu para ser medicado. O calor fez a partida diminuir o ritmo. O que favoreceu o canadense, que abriu 2-0. Djere então melhorou e empatou o set em 3-3. Com um saque a frente, o sérvio teve a chance de matar o jogo em 5-4 com 40-40. Mas Auger-Aliassime salvou um break point e levou o jogo a 6 games a 5. Apesar de salvar quatro match points seguidos, o canadense não evitou o quinto e o sérvio fechou o segundo set em 7-5, para confirmar a conquista do título, o primeiro na sua carreira na ATP.

O tenista dedicou a conquista no Rio a memória dos seus pais, que faleceram de câncer. Também agradeceu a sua irmã e membros do seu staff. E também aproveitou para elogiar o adversário. “Felix, você é muito jovem e tem muito pela frente. Tenho certeza que você vencerá muitos troféus no futuro”, elogiou Djere.


Além dos 500 pontos no ranking mundial, Laslo Djere levará para casa um cheque de US$ 369 mil como premiação pela conquista do Rio Open.

LEIA MAIS: Oscar Schmidt lamenta lance de 31 anos atrás: “Não ganhamos uma medalha por minha culpa”