Brasileirão Série D 2019: confira uma análise dos times de Minas Gerais

A Diretoria de Competições da CBF publicou os documentos técnicos do Brasileirão Série D de 2019, na última sexta-feira (01)

Ildeu Iussef
Colaborador do Torcedores: Setorista do Futebol Goiano e amante dos esportes...

Crédito: Divulgação CBF

O sistema de disputa da competição, não sofreu nenhuma alteração, sendo realizada em seis fases distintas. Na primeira, 68 clubes formarão 17 grupos com 4 clubes cada, no qual, apenas, se classificarão 32 clubes para a fase seguinte: sendo os primeiros colocados de cada grupo mais os 15 melhores segundos colocados. Daí em diante os clubes se enfrentarão no sistema eliminatório até ser conhecido o campeão.

Na edição de 2019 do Brasileirão Série D, o futebol mineiro estará representado por 4 equipes: Caldense, Patrocinense, Tupi e URT. Confira a seguir uma análise do representantes do estado de Minas Gerais, na competição nacional.

ASSOCIAÇÃO ATLÉTICA CALDENSE

Alcunhas: Veterana ou Verdão

A Caldense é um time da cidade de Poços de Caldas-MG, que se classificou para a disputa do Brasileirão Série D por meio do Campeonato Mineiro de 2018. Na temporada passada, a Veterana terminou o Estadual em 9º lugar na classificação geral, e conseguiu a vaga para disputar a Série D, graças ao regulamento da competição nacional.

A equipe da Caldense está no Grupo A12 ao lado de: Sobradinho-DF, Vitória-ES e Portuguesa-RJ

Elenco

Goleiros: Omar, Fernando e Vítor Prada

Defensores: Robinho, Renato, Rodolfo, Davy, Henrique, Lazarini, Carlinhos, Edu Pina, Tiaguinho, Tchê Tchê e Felipe

Meias: Felipe Baiano, Jean, Joel, Renan, Judson, Vínicius Fininho, Mazinho e Júlio

Atacantes: Édipo, Leleco, Salatiel, Reginaldo e Lorran

 

CLUBE ATLÉTICO PATROCINENSE

Alcunha: Águia Loca

O Patrocinense é um time da cidade de Patrocínio-MG, que se classificou para a disputa do Brasileirão Série D por meio do Campeonato Mineiro de 2018. Na temporada passada, a Águia terminou o Estadual em 8º lugar na classificação geral, e conseguiu a vaga para disputar a Série D, graças ao regulamento da competição nacional.

A equipe do Patrocinense está no Grupo A11 ao lado de: Anapolina-GO, Operário-MS e União-MT

Elenco

Goleiros: Cleysson, Júlio César e Maurílio

Defensores: Diego, Juninho, Victor Melo, Betão, Ângelo, Kellyton, Ian e Jhonatan Moc

Meias: Bruno Moreno, Davi Lopes, Arilson, Rincon, Lucas Chinaqui, Dede, Fernando, Leandro Oliveira e Giovanni Pavani

Atacantes: Maikon Aquino, Mirrai, Felipe Alves e Toni Galego

 

TUPI FOOTBALL CLUB

Alcunha: Galo Carijó

O Tupi é um time da cidade de Juiz de Fora-MG, que se classificou para a disputa do Brasileirão Série D por meio do rebaixamento da Série C na temporada de 2018.

A equipe do Tupi está no Grupo A14 ao lado de: Itaboraí-RJ, Hercílio Luz-SC e Novorizontino-SP

Elenco

Goleiros: Ricardo Villar e Paulo Vitor

Defensores: Lucas, Guilherme, Afonso, Rodrigo, Léo Felipe, Aislan, Arthur Sanches e Thiago Duchatsch

Meias: Neném, Pedro Vitor, Max Carrasco, Marcus Vinicíus, Nélio, Leandro Brasília, Diego Sales, Fábio Henrique e Hugo Rodrigues

Atacantes: Gabriel Costa, Romarinho, Vitor Ruas e Daniel Morais

 

UNIÃO RECREATIVA DOS TRABALHADORES – URT

Alcunha: Trovão Azul

A URT é um time da cidade de Patos de Minas-MG, que se classificou para a disputa do Brasileirão Série D por meio do Campeonato Mineiro de 2018. Na temporada passada, o Trovão Azul terminou o Estadual em 6º lugar na classificação geral, e conseguiu a vaga para disputar a Série D, graças ao regulamento da competição nacional.

A equipe da Caldense está no Grupo A12 ao lado de: Brasiliense-DF, Serra-ES e Ituano-SP

Elenco

Goleiros: Marcão e Arthur

Defensores: Gladstone, Marcos Vinicius, Mauricio, Ewerton, Amaral, Tawan, Silva e Arthur MInota

Meias: Rafael Oller, Patrick, Cascata, Rodney, Kaio Wilker, Yan Gomes, Derli, Diogo Orlando, Douglas Maia e Gilson

Atacantes: Reis, Gilberto Carrara, Juninho Potiguar, Jonathan e Bruno Aquino

 

Veja também: BRASILEIRÃO SÉRIE D 2019: CONFIRA UMA ANÁLISE DOS TIMES DE GOIÁS

APÓS A VITÓRIA CONTRA O GRÊMIO ANÁPOLIS, SIDÃO FALA SOBRE O MENOSPREZO AO CAMPEONATO GOIANO