Torcedores | Notícias sobre Futebol, Games e outros esportes

Impasse por cota de ingressos na final da Libertadores segue entre Conmebol e clubes, diz blog

Nesta terça-feira (5), será dada a largada para a fase de grupos da Copa Libertadores 2019. Trinta e duas equipes lutam pelo tão sonhado título, desta vez disputado em final única e sede neutra. Contudo, apesar da competição ser iniciada logo mais, a Conmebol ainda não definiu quantos torcedores cada finalista poderá levar em uma eventual decisão, este ano marcada para o Estádio Nacional em Santiago, no Chile, as informações são do blog do Marcel Rizzo, do UOL.

Cido Vieira
Jornalista formado e apaixonado por futebol desde criança. No Torcedores.com desde o ano de 2017, já acumulei diversas funções no site e atualmente me dedico a cobertura do futebol nordestino. No Twitter, @cidovieira90.

Crédito: Divulgação

Diferentemente de quando a final ocorria em dois jogos em que os clubes ficavam responsáveis pela distribuição de ingressos, desta vez esta missão ficará a cargo da Conmebol, e já existe uma divergência entre a entidade e os clubes.

Segundo o blog, em um primeiro contato, a Conmebol propôs que cada clube finalista teria 25% da carga total de bilhetes para vender em seu país. Ou seja, apenas 50% das cadeiras ficariam com os finalistas, e o restante seria vendidos para o público local e também disponibilizados a parceiros e para eventos promocionais da Conmebol e áreas de hospitalidade. Proposta esta que não contou com aprovação dos clubes quando anunciada no sorteio dos grupos em dezembro de 2018.

Tanto brasileiros e argentinos desejam que os finalistas receba no mínimo 60% da cota. Outros países chegaram a exigir até um pouco mais, contudo, o padrão de 60% deve se tornar unanimidade entre os dirigentes dos clubes para pleitear com a Conmebol.

No regulamento da Libertadores, o texto deixa em aberto a distribuição de ingressos para a finalíssima, dizendo que a confederação vai enviar comunicado quando decidir.

LEIA MAIS:
BRUNO HENRIQUE RELEMBRA ATUAÇÃO DE GALA CONTRA JUNIOR E VÊ PALMEIRAS FORTE COMO EM 2018
MANO É SEGUNDO TÉCNICO MAIS LONGEVO ENTRE AS EQUIPES DA LIBERTADORES; VEJA O RANKING
RICARDO GOULART REVELA ANSIEDADE POR REESTREIA NA LIBERTADORES E PEDE PALMEIRAS MADURO