Por jogo do Inter no Gauchão, Rafael Sobis ignora Libertadores: “O River é só na semana que vem

Inter x Novo Hamburgo é o jogo de volta das quartas-de-final do Campeonato Gaúcho. A partida acontece no estádio José Pinheiro Borda, popularmente conhecido como Beira-Rio, nesta quarta-feira (27). Cotado para ser titular na equipe mandante, Rafael Sobis mostrou muita concentração. O ídolo colorado chegou, inclusive, a fazer uma comparação pouco convencional para definir o quanto quer a equipe séria para a peleja.

Willian Ferreira
Colaborador do Torcedores.com e contador de histórias do esporte.

Crédito: Twitter/Reprodução

Em entrevista coletiva que antecedeu Inter x Novo Hamburgo, nesta terça-feira (26), Rafael Sobis polemizou. O atleta pediu para que todos se esqueçam, até mesmo, da Copa Libertadores da América. No próximo meio de semana, o Colorado recebe o River Plate. “Tem que entrar no jogo firme e forte, sempre. Futebol é mental demais, tem que estar com a cabeça boa em qualquer situação. A Libertadores é só na semana que vem. Esperamos que tudo corra bem e que a gente faça uma grande partida. Depois, mais outra peleja no fim de semana”, afirmou.

Em outro momento da coletiva, aliás, Rafael Sobis demonstrou aprovação ante o rodízio adotado pelo treinador Odair Hellmann,. Ele afirmou que está em nítido crescimento por conta da estratégia, mas não deixou de falar sobre o que a constante troca nos onze titulares representa para o Colorado. “Creio que, no geral, está bom para todo mundo. Dentro dos conformes, o treinador está conseguindo mudar suas peças. Para que todo mundo jogue vez por outra, todos devem render. Todo mundo que vai ao campo tem o mínimo de ritmo, decerto. Daqui a pouca a emergência está aí e isso é ótimo para o elenco. Quem defender o Inter está bem ciente do que tem que fazer”, finalizou o jogador.

LEIA MAIS
Mercado da Bola: Marquinhos Gabriel interessa ao Grêmio
No Twitter, torcedores do Inter comemoram renovação de contrato de Odair Hellmann
Eleição do Internacional têm mais eleitores que mais de 5 mil cidades brasileiras