Tênis

Federer e Nadal vencem nas quartas e se enfrentam na semi de Indian Wells

Publicado às

Colaborador do Torcedores

Foto: Quartas de final em Indian Wells

Crédito: Divulgação/Facebook BNP Paribas Open

Nesta quinta-feira (15), o espanhol Rafael Nadal e o suíço Roger Federer venceram seus duelos pelas quartas de final do Masters 1000 de Indian Wells. Com os resultados, eles se enfrentarão na semifinal do torneio californiano. Federer busca seu sexto título na Califórnia. Já Nadal, sua quarta taça.

 

Vitória suíça nas quartas

 

Em mais uma boa performance, o quarto do ranking, Roger Federer, venceu seu confronto nas quartas de final. Com apenas 1h13 de duração, o suíço derrotou o polonês Hubert Hurkacz, 67º colocado, por 2 sets a 0. O jogo foi finalizado em duplo 6/4.

O primeiro set da partida teve grande equilíbrio em seu início, com os sacadores não dando chances para quebras. No quinto game, o tenista número quatro do mundo conseguiu se impor. Ele quebrou o saque do polonês. Federer soube tirar proveito da situação, conquistando seus games de serviço. Com isso, fechou o set em 6/4, com 30 minutos de duração.

Na segunda parte da partida, o suíço voltou mais agressivo. Como resultado, voltou a quebrar o saque de Hurkacz logo no terceiro game. Assim como no primeiro set, Federer conseguiu administrar seus games de serviço sem maiores problemas, finalizando em outro 6/4.

Foi o primeiro embate entre ambos no circuito profissional da ATP. Na semifinal, Federer irá encarar um de seus maiores rivais: o número dois, Rafael Nadal.

 

Triunfo da superação

 

O espanhol Rafael Nadal, número dois do ranking, fez jus à fama de batalhador nas quartas. Em 2h16 de partida, ele venceu o russo Karen Khachanov, 13º do ranking, por 2 sets a 0. Com parciais de 7/6 (2) e 7/6 (2), o espanhol precisou superar uma lesão no joelho sofrida ainda na primeira parte.

O primeiro set do jogo teve início favorável ao russo. Logo no primeiro game, ele quebrou o saque de Nadal. Até o quinto game, Khachanov conseguiu se manter com uma quebra à frente no placar. No sexto, porém, o espanhol devolveu a quebra. Na sequência, os tenistas conseguiram dominar seus games de saque, levando a decisão ao tiebreak. Na parcial decisiva e já sentindo dores no joelho, Nadal teve ampla superioridade, fechando o game em 7 a 2.

O segundo set do duelo teve início dramático para o número dois da ATP. Após o fim do terceiro game, ele precisou receber atendimento médico. Mesmo com a limitada condição, Nadal conseguiu uma quebra de serviço na quinta parcial. A vantagem, porém, durou pouco. Logo em seguida, Khachanov devolveu a quebra. Contando com atuação pouco inspirada do russo, o espanhol mostrou muita superação, conseguindo alcançar outro tiebreak. No game final, a experiência do tricampeão em Indian Wells prevaleceu. Nadal venceu em outro 7 a 2.

O jogo representou o sexto duelo entre os tenistas: Rafael Nadal tem 100% de aproveitamento. Caso consiga se recuperar fisicamente, ele fará na semifinal seu 39º duelo na carreira contra Roger Federer.

 

Um dos maiores clássicos da história do tênis

 

O clássico entre Federer e Nadal é um dos maiores da história do tênis. Com 38 confrontos registrados no circuito profissional, Nadal leva vantagem: possui 23 vitórias, contra 15 do suíço.

Os tenistas já se enfrentaram em 24 decisões. Foram 12 finais em Masters 1000, nove em Grand Slams, duas em torneios ATP 500 e uma em ATP Finals.

 

Outra semi

 

A outra semifinal será composta pelo duelo entre o austríaco Dominic Thiem (oito do ranking) e o canadense Milos Raonic (14 do mundo). No total, os tenistas se enfrentaram em duas oportunidades no circuito da ATP. Raonic tem duas vitórias.

 

 

Leia mais: Corinthians fará homenagem às vítimas do atentado de Suzano antes da partida contra o Oeste

Copa Davis: Jaime Oncins é o novo capitão do Time Brasil