Leão adota tom otimista e compara atual São Paulo ao do último título Paulista

O São Paulo não ganha o Campeonato Paulista há algum tempo. A última vez foi em 2005, com Emerson Leão. O treinador adotou tom otimista em entrevista à Folha de S. Pauloe comparou o atual time ao de 14 anos atrás.

Luiz Felipe Longo
Colaborador do Torcedores.com.

Crédito: Luiz Pires/VIPCOMM

“Quando cheguei para trabalhar, falavam que era um time problema. Simplifiquei as coisas e recuperei os jogadores que lá estavam. Investimos neles e não gastamos um tostão. Dentro de uma hierarquia de respeito, formamos um grupo e se sentiram motivados”, disse.

Leão citou casos emblemáticos de jogadores que deslancharam no Morumbi após o título. O principal deles: Rogério Ceni. Além dele, Diego Tardelli e Grafite também viveram boa fase na equipe são paulina naquele ano.

Conheça a 1xBet:

Um novo jeito de fazer sua aposta esportiva!

“O Rogério Ceni não era mais o líder e goleiro de antes. O que eu fiz? Nada. Apenas acendi a chama. Talvez minha presença ou por eu ter sido goleiro, tenha incentivado a isso. Depois ele ganhou tudo e mostrou sua importância e potencial. O Grafite e o Tardelli também. Falavam que não serviam. Pra mim serviram”, completou.

O São Paulo joga nesta quarta-feira (27) contra o Ituano, pela volta das quartas de final. A partida acontece às 19h15 (de Brasília), no estádio Novelli Júnior, em Itu. O tricolor joga por um empate para avançar.

LEIA MAIS
SÃO PAULO: TIAGO VOLPI SE EXPLICA SOBRE SAÍDA EM GOL FEITO PELO ITUANO
SÃO PAULO TEM NOVIDADE EM TREINO ANTES DE VOLTA CONTRA O ITUANO
MANCINI ADMITE SEGUIR COM HUDSON NA LATERAL E COM EVERTON FELIPE ENTRE OS TITULARES