Técnico da Argentina diz que decisão foi sua em não contar com Messi após a Copa

Messi voltou a ser convocado pelo técnico Lionel Scaloni nesta quinta-feira (7) para integrar o grupo que disputa os dois últimos amistosos da Argentina antes da disputa pela Copa América.

Matheus Camargo
Colaborador do Torcedores.com.

Crédito: Divulgação/AFA

O jogador não vinha sendo chamado desde a Copa do Mundo de 2018, na Rússia, quando a Argentina caiu nas oitavas de final para a campeã França. Desde então, acreditou-se que o próprio Messi tivesse pedido um tempo da seleção, mas Scaloni confirmou em coletiva concedida durante a convocação que a opção em não contar com o camisa 10 do Barcelona foi sua.

“Logo definiremos se Messi jogará um ou dois jogos. Ele vem com muita carga (de jogos) e definirei quantas vezes ele irá entrar em campo. Ele ainda tem partidas por disputar com seu clube, esperamos que chegue bem. Não posso confirmar se vai ser titular, nem sequer que jogue. A decisão de que ele não viesse nos primeiros foi minha, agora ele estará e será bem-vindo de volta à seleção”, disse Scaloni.

O treinador ainda revelou que essa não é a lista definitiva da Copa América e que está dando oportunidades a jogadores que não vinham sendo convocados.

Leia mais:
Modric diz que vive a pior semana da carreira após derrotas em clássicos e eliminações do Real Madrid