Torcedores | Notícias sobre Futebol, Games e outros esportes

Opinião: não foi a tradição do Manchester United, mas sim a incompetência do PSG

O PSG (Paris Saint Germain) foi eliminado da Liga dos Campeões da Europa. A equipe francesa foi derrotada pelo Manchester United na tarde da última quarta-feira (06), em Paris, pelo placar de 3 a 1.

Mateus Claudino
Colaborador do Torcedores.com.

Crédito: Twitter oficial do Paris Saint-Germain

O PSG ganhou o jogo de ida, 2 a 0. Os ingleses precisavam fazer três gols para conseguir a classificação. A partida, válida pela fase oitavas de final, começou com o Manchester United na frente, com gol de Lukaku.

Com o apoio de sua torcida, a equipe de Paris não se abateu. Bernat marcou o gol de empate, aos doze minutos, com assistência de Mbappé. Falarei mais sobre o jovem francês ao decorrer do texto.

Não acreditei que Buffon, o melhor goleiro de todos os tempos, falhou em um lance tão bobo. Lukaku aproveitou, fazendo 2 a 1 Manchester.

Depois, quem assistiu o jogo sabe, apenas o PSG jogou. O problema é que apenas Di María tentava algo. Mbappé tem um problema grave, é bom velocista, mas não sabe chutar na hora certa e prende muito a bola. A chance que ele desperdiçou no segundo tempo é imperdoável, não tem desculpas. Para quem ganhou uma Copa do Mundo, já deveria saber as decisões corretas a serem tomadas em uma partida.

O Manchester chegou ao terceiro gol em um pênalti bem marcado pelo VAR (Árbitro assistente de vídeo). Faltando alguns minutos para terminar o jogo, o despreparado treinador alemão, Thomas Tuchel, resolveu colocar Cavani. O jogador uruguaio deveria ter entrando muito antes.

Após o apito final, começou o debate para escolher um culpado. A maioria escolheu, adivinha! Neymar. Mas é claro, os “médicos virtuais” chegaram a uma conclusão, ele tinha condições de jogo. Estou pensando seriamente em não ir mais ao médico quando sentir algo, perguntarei aos internautas.

Não foi a camisa, tradição, ou até mesmo a história que decidiu a classificação dos “diabos vermelhos”. Faltou tradição ao Real Madrid? Faltou história ao Santos, em 2011, quando foi goleado pelo Barcelona de Messi e Guardiola? O Bayern de Munique não tem uma camisa forte na Europa?

Planejamento, competência, bons jogadores é o que explica o fracasso e títulos de uma equipe

LEIA MAIS:

Presidente do PSG desabafa após eliminação e dá voto de confiança a Thomas Tuchel